Tupuca inicia testes para entregas ao domicílio por drones


O Tupuca anunciou neste domingo (16) de Agosto, que deu inicio a um novo projeto de entregas por drone em Luanda, com a fase de testes a acontecer em Talatona. A novidade é um dos frutos da pandemia que cada vez mais tem obrigado as empresas a optarem pelos melhores serviços de modo a protegerem as vidas humanas evitando os riscos de contaminação.

 A primeira fase de implantação começou neste domingo (16) de Agosto, com os testes a decorrem em Talatona, Luanda. De acordo com Wilson Ganga, Co-fundador do Tupuca  em declarações ao AngoRussia, se tudo correr bem, a 2ª fase de implementação definitiva deve acontecer no próximo mês de Novembro do ano em curso, com essa nova tecnologia, espera-se uma aceleração significativa no processo de entrega para os clientes e diminuição os riscos de contaminação do novo coronavírus.

Publicidade

“Por causa da pandemia do COVID-19. Queremos apostar no contactless delivery. Estamos a fazer testes com os clientes em Talatona, se tudo correr bem vamos lançar o serviço em novembro 2020”, disse Wilson.

Na empresa entretanto não explicou se quando entrarem em vigor os aparelhos irão ou não trabalhar em concordância com o método tradicional, nem quais serão as rotas e planos de voo.

Quanto as especificações dos drones, não foi anunciado o peso máximo que os mesmos suportam, velocidade, altura ou ainda se têm ou não isolamento térmico para manter a temperatura dos alimentos.

 


Gostou? Partilhe com os teus amigos!

0 Comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *