Presidente João Lourenço aprova mais 24 mil milhões de kwanzas para Reserva Estratégica Alimentar


O Presidente da República João Lourenço aprovou a abertura do crédito adicional de 24 mil milhões de kwanzas (39,5 milhões de euros) para despesas de reabilitação e expansão das infra-estruturas de apoio à gestão da Reserva Estratégica Alimentar, segundo a Lusa.

De acordo com o Decreto Presidencial 14/22, de 19 de janeiro, citado pela Lusa, este crédito adicional será concedido em função das necessidades de pagamento de tesouraria do Ministério da Indústria e de Comércio.

Publicidade

João Lourenço criou no final do ano passado, a Reserva Estratégica Alimentar, que prevê a aquisição, armazenamento e distribuição de mais de 520 mil toneladas de produtos alimentares, com o objectivo de regular o mercado e influenciar a baixa de 11 produtos alimentares que integram a cesta básica.