Quantcast

Masturbação pode se igualar ao acto sexual ?

0

A masturbação faz parte da vida cotidiana de alguns dos seres humanos, é um acto da estimulação dos órgãos genitais, que pode ser manualmente ou por meio de objectos, com o objectivo de obter prazer sexual, seguido ou não de orgasmo, sendo uma prática sexual não-penetrativa. Para muitos, a satisfação obtida neste prática pode ser igualada a do acto sexual.

 

 

Segundo alguns jovens angolanos é impossível igualar o prazer da masturbação com o do sexo. Isso por que, masturbar é normalmente feito com toques nos órgãos genitais do homem ou mulher com o intuito de gerar prazer e levar ao orgasmo (na sua maioria).

Para jovens como Jonas, “sexo é o acto que envolve duas pessoas, algo diferente da masturbação que pode ser uma única pessoa a fazer por meio de objectos que possam lhe transmitir calor e prazer. Às vezes só com a fotografia de uma mulher sem roupa e filmes eróticos é possível estimular seu órgão e realizar a masturbação, logo não pode ser igualado com o do acto sexual”

Muitas são as mulheres que ainda têm ‘tabus’ em relação ao assunto, algumas por não terem conhecimento do seu próprio corpo, enquanto outras são peritas assim como os homens.

Segundo especialistas na matéria, o sexo e a masturbação devem ser tratados de forma diferente, porque o córtex orbitofrotal que é responsável pela provocação da excitação domina o córtex dorsolateral pré-frontal responsável pela função do quotidiano durante o processo do orgasmo. Já na masturbação os dois córtex trabalham em simultâneo.

Deixe a sua opinião!

Partilhe.