Gala “Mister e Miss Black Portugal” conta com Victor Hugo Mendes e Joana Martins


159 partilhas

O jornalista Victor Hugo Mendes e a Miss Portugal 2014, Joana Martins, serão os apresentadores da segunda edição do concurso “Mister e Miss Black Portugal”, organizado pela empresária angolana residente em Bruxelas Isabel Manuel De nascimento, no próximo dia 28 de Novembro,  no renomado Casino Estoril em Lisboa -Cascais. Em entrevista exclusiva ao AngoRussia, o conceituado apresentador e escritor angolano, considerou ser  uma oportunidade para mostrar em Portugal uma das suas valências enquanto mestre de cerimónia e quiçá, conseguir um link para uma das televisões portuguesa. 

Gala "Mister e Miss Black Portugal" conta com Victor Hugo Mendes e Joana Martins

O concurso, tem a ambição de ser um dos eventos com maior impacto no que toca os jovens oriundos de África residentes em Portugal sem distinção de cor (Miss & Mister Black Portugal) irá apresentar a sua segunda edição em Portugal. Os convidados e demais interessados, poderão desfrutar de um jantar de gala e o after party.

Os modelos contarão também com o apoio e treinamento de coaching. A presidente e fundadora do projecto, Isabel Manuel De Nascimento bem como um conjunto de diversas personalidades da moda, música e televisão avaliarão os finalistas no decorrer da gala.

Depois da eleição, os vencedores tornaram-se os Embaixadores da boa vontade, que terão a missão de ir a busca de angariação de bens materiais como: roupas, bens alimentares, medicamentos, é material medical para ajudar Orfanatos em África. Para esse feito a organização está a trabalhar com Associação das Mulheres Empreendedoras Europa e África, presidida pela própria Isabel de Nascimento com uma vasta experiência Internacional no ramo diplomático.

Em entrevista ao AngoRussia, Victor Hugo Mendes, disse que a expectativas são boas e apenas aguarda com maior prazer a realização do evento, nesta quarta-feira (28) de Novembro.

“Tenho grandes e boas expectativas já que será a minha primeira vez apresentar um evento em Lisboa e mais ainda no Casino Estoril, com a participação de músicos angolanos. A gala está a ser muito bem preparada pois são 24 concorrentes de várias partes do mundo sendo que, apesar de se denominar Miss e Mister Black, a cor da pele não é o mais importante, pois, há jovens que têm apenas o sangue negro nas suas veias. O corpo de jurado que tem hoje um jantar com os apresentadores e membros da organização aqui em Lisboa, é composto por grandes rostos da televisão e famosos internacionais. Para mim, é também uma oportunidade para mostrar em Portugal uma das minhas valências enquanto mestre de cerimónia e quiçá, conseguir um link para a tv portuguesa quanto mais não seja para trocar experiência”, considerou Victor Hugo Mendes.

Recorda-se que o evento tem como parceiros principais a Câmara Municipal de Cascais, Embaixada de Moçambique e a Embaixada de Angola. Entre outras ajudas nos concursos  efectuados anteriormente na Bélgica, resultaram ajudas humanitárias como a criação de um chafariz de água potável na Vila de Kiota no Níger, a ajuda a um Hospital no Congo com material médico, uma obra social em Marrocos num orfanato, no Senegal também uma ajuda com material médico na Vila de Saly, nos Camarões o envio de um contentor para um orfanato e um hospital com ajuda humanitária e em Bruxelas a ajuda à Cruz Vermelha e a Associações de Refugiados.

 

 

 

 

Por: Júlio Dos Santos

 

 


Gostou? Partilhe com os teus amigos!

159 partilhas

0 Comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *