Morreu o músico angolano Leokeny vítima de doença


Morreu neste sábado, 1 de Outubro, em Lisboa, o músico e produtor angolano, Leonel Dimbulukeny mais conhecido pelo nome artístico Leokeny, vítima de um Acidente Vascular Cerebral (AVC).

Foto:reprodução Instagram (Leokeny)

Filho da Huíla e conhecido pela sua voz inconfundível, Leokeny alegrou vários angolanos, através de serenatas dedicadas aos corações apaixonados.

De acordo informações preliminares partilhadas nas redes sociais, por amigos e pessoas próximas, o artista terá sido internado de emergência após um ataque de AVC enquanto dirigia uma viatura. Consequentemente, teve que ser submetido a intervenções cirúrgicas, mas não resistiu por muito tempo e acabou por falecer neste sábado.

Nas redes sociais, é visível a dor e consternação por parte daqueles que apreciavam o seu trabalho e o admiravam pela pessoa que sempre foi em vida.

Leokeny nasceu no Lubango, fez a sua formação académica na vizinha Namíbia, posteriormente mudou-se para Luanda em 2002 para concretizar o sonho de ser cantor. Começou a carreira em bares através de covers, após ter vencido o prémio ”Variante 2005” um festival de música popular angolana, gravou o seu 10.º CD “Troféu” pela LS Produções e cedeu ao B26 para agenciamento. Igualmente arrebatou prémios de ”Melhor artista de R&B” em 2008 pela Casa Branca Awards e ”Artista Masculino” do Angola 350. Em 2012 criou a sua label ‘Dimbulukeny Entertainment’ e muda-se para Lisboa para onde deu continuidade aos estudos em Gestão de Empresa e aproveitou dar uma pausa na carreira musical.