Jovem assassinada por se negar a conversar


Uma jovem de 19 anos, foi esfaqueada mortalmente na noite de quinta-feira (24) de Dezembro, véspera do Natal, no bairro do Compão, província de Benguela.

De acordo com a Angop que cita uma testemunha ocular, o facto ocorreu, supostamente, porque a vítima, de nome Raíssa Pascoal, ignorou as investidas do alegado homicida que pretendia a todo custo conversar com ela.

Publicidade

A vítima dirigia-se a uma loja perto de sua casa para comprar algumas bebidas para a ceia de Natal com a sua família, quando foi abordada pelo agressor, segundo a mesma testemunha.

“O rapaz interpelou a moça, mas esta recusou-se a conversar e passados alguns minutos, o jovem chegou mesmo a proferir ameaças de morte. Durante a troca de palavras, ele acabou desferindo um golpe com uma faca no peito da vítima e pôs-se em fuga”, explicou.

Fifico Filipe, morador na zona, disse que o rapaz tem antecedentes criminais e que reside também no Compão. “Ele encontrava-se na referida loja a consumir bebidas alcoólicas na companhia de seus amigos”, acrescentou.

Após a ocorrência, a vítima foi Imediatamente levada para o Banco de Urgência do Hospital Geral do Lobito, dando entrada as 23:50h e faleceu alguns minutos depois, de acordo com a supervisora Antónia Graça Zacarias.

“Tentamos reanimá-la com adrenalina, soro fisiológico e hidroportesona, mas a Raíssa não resistiu porque chegou já bastante fraca”, informou.

Entretanto, o Oficial Dia do Comando Municipal do Lobito da Polícia Nacional, contactado pela ANGOP, informou que o suposto homicida já se encontra detido e aguarda pelos procedimentos normais para ser encaminhado para o Ministério Público.


Gostou? Partilhe com os teus amigos!

0 Comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *