Márcia Baltazar conta como se tornaram modelos da operadora Africell no Uganda e Serra Leoa


379 partilhas

Se para muitos angolanos, o nome da vencedora do concurso  público para a atribuição do 4º título global unificado para a prestação de serviço público de comunicações electrónicas em Angola, é estranho, para os jovens modelos fotográficos Márcia Baltazar e Mateus Esteita, não é. Ambos foram escolhidos como rostos de uma campanha da Africell no Uganda e Serra Leoa, no passado mês de Junho.

O AngoRussia procurou Márcia Baltazar que para além de modelo, é licenciada em “Higiene, Saúde e Segurança no Trabalho”, para falar como foi que surgiu a sua parceria com a operadora libanesa com sede em Londres, Africell.

Publicidade

Márcia começou a conversa a contar que ela e o seu noivo (Mateus Esteita), são modelos fotográficos  e possuem várias imagens em bancos de dados, acredita serem os angolanos com mais imagens vendidas nestas plataformas. Actualmente contam com mais de 100 fotografias vendidas em mais de 20 países, incluíndo Angola.

“Eu e o meu noivo somos modelos fotográficos shutterstock e acreditamos ser os angolanos com mais fotografias vendidas nesta plataforma, já são mais de 100 fotografias e em mais de 20 países”, começou por dizer.

Concretamente com a 4ª operadora de telefonia móvel de Angola, a modelo adiantou que não têm nenhum vínculo contratual directo, os mesmos adquiriram as suas imagens a partir dos bancos de dados. Entretanto, têm contrato com alguns fotógrafos russos por tempo indeterminado que fazem a divulgação dos seus respectivos trabalhos.

“Não temos nenhum vínculo contratual directo com a Africell. Eles acederam as nossas fotografias por meio das plataformas que os fotógrafos e agências utilizam para vender as imagens e vídeos para marketing. Temos sim contrato com os fotógrafos russos por tempo indeterminado enquanto haver fotografias disponíveis na plataforma para se comercializar”, disse Márcia que também é Influenciadora Digital nas redes sociais.

Em Angola, as imagens de Márcia Baltazar e Mateus Esteita, autor do livro “O Bolseiro – A vida de um sonhador” já foram usados pelas maiores empresas do país como Unitel, Movicel, os Bancos Atlântico e BAI, as empresas de cerveja Cuca e Nocal, enquanto que internacionalmente outros gigantes também já recorrer as suas imagens para venderem os seus produtos como Vodacon, MTN, Bancos da Namíbia e Moçambique, entre outras.

“Das muitas fotos nossas em publicidades digitais, destacam-se com a Unitel, Movicel, os bancos Atlântico, BAI, cervejas Cuca, Nocal e internacionalmente ficamos muito feliz quando vimos o Tonny Robins e o Augusto Cury a usar nossas fotografias e vídeos nos seus treinamentos e palestras, além das empresas Vodacon, MTN, Bancos da Namíbia e Moçambique. É um hobby que nos dá muito gosto em fazer e muitos amigos nos mandam sempre fotografias nossas que eles veem nos outdoors em Angola e noutros cantos do mundo”, disse visivelmente feliz Márcia Baltazar.

Shutterstock é um provedor americano de banco de imagens, vídeos, musica e editorial, fundada em 2003, com sede em Nova York. Possui mais de 300 milhões de imagens entre fotos, vetores e ilustrações, sendo a maior do mundo no sector. Desde 2012 está listada na bolsa de New York.

A empresa Africell Global Holding Ltd venceu o concurso público para a atribuição do 4º título global unificado para a prestação de serviço público de comunicações electrónicas em Angola.


Gostou? Partilhe com os teus amigos!

379 partilhas

0 Comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *