Diego “A Lenda” conta seu percurso de poeta a músico


39 partilhas

O mais recente artista angolano, Diego apelidado por “A Lenda”, em entrevista  ao AngoRussia, falou sobre o seu percurso no mundo artístico, desde televisão, até aos cotas que catavam e faziam freestyles, com a maior influência ao facto de escrever poesia que remeteu-lhe no mundo do rap.

Diego “A Lenda” conta seu percurso de poeta a músico

Diego, acredita que “o mundo do entretenimento é um compartimento importante dentro de uma sociedade, e sinto que há muita desvalorização principalmente no nosso país concernente à artistas, meu papel é fazer o que eu amo e acima de tudo, tentar ajudar de certa maneira o dia de alguém com a minha arte”, começou por dizer o cantor que reconheceu que os artistas devem procurar se profissionalizar, de forma a melhorar a qualidade dos seus trabalhos e buscarem a superação todos os dias.

‘É claro, todo artista deseja viver um dia de cada vez pensar no presente focar nos projectos e procurar me superar a cada dia que passa”.

“Para mim, é tudo uma questão de visão social, somos uma sociedade conservadora o que chega a ser bom em alguns pontos é ruim noutros, num país onde se tu és artista te perguntam além disso “trabalhas com o que?”, claramente que carece de uma transformação de ideias, as pessoas na sua maioria ainda não vêem isso como profissão, então a mídia é que tem que ajudar os artistas a passar uma imagem diferente para que a sociedade perceba que tem que se valorizar o trabalho e o esforço de outrem”.

Diego que actualmente reside na Rússia, prepara-se para brindar os fãs do Rap com a sua mais recente EP intitulada “Pensamentos Arquivados” que estará disponível em todas plataformas digitais a partir desta sexta-feira 7 de Dezembro.

 

Por: Benedito Lurdes


Gostou? Partilhe com os teus amigos!

39 partilhas

0 Comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *