Mell Chaves apela a sociedade: “deixem as mulheres envelhecerem em paz”


De férias em uma das melhores Praias das Ilhas Turcas e Caicos, a multifacetada angolana, Mell Chaves, formada em Direcção de Empresas, pela Angola School of Management (filiada da AESE Business School de Portugal), usou na manhãs desta quinta-feira (16) de Maio, um das suas redes sociais para apelar a sociedade, principalmente o sexo feminino, a pararem de baixar a auto-estimas de outras mulheres, e que deixassem as mesmas  envelhecerem em paz. 

Mell Chaves apela a sociedade: "deixem as mulheres envelhecerem em paz"

 

“Sim … deixem as mulheres envelhecerem em paz! O que se passa com as pessoas e o pior de tudo, o que se passa com algumas mulheres? Tenho visto mulheres a rebaixarem outras mulheres por terem peso a mais, por terem rugas, celulite, estrias, se a foto tem filtro, a analisarem as fotos ao pormenor e por aí adiante. A vida é uma bênção e nem todos conseguem chegar a certas idades. Menos cobrança sobre as idades e as condições físicas, seja corpo, rosto ou cabelo. Cada um sabe de si, não levem as redes sociais tão a peito. Uns postam a vida real outros enfeitam como querem por isso cada um tem a sua”, começou por dizer.

Mell Chaves continuou mostrando certa tristeza ao ver pessoas a viverem frustradas por não serem aceites como são pela sociedade, que actualmente vive com os olhos vendados e põe suas vidas em risco por conta da beleza ‘perfeita’.

“Somos todos reais e todos teremos o nosso final também, a vida é uma oportunidade única e ver pessoas a viverem frustradas por não serem ‘aceites’ como elas são pela sociedade que só quer ver corpos perfeitos, peles lisas, que querem ver uma perfeição ridícula ou pessoas a viverem a vida dos outros como se fosse uma perseguição. A cobrança é tanta que depois vemos mulheres a porem em risco as suas vidas. Quem quiser fazer tratamentos para perder peso, tirar celulite, estrias, lipo, implantes, dentes … cada um sabe de si e se ficar feliz óptimo. Mulheres mais união, empatia, respeito … sonoridade e homens caso não tenham dado conta há mulheres nas vossas famílias também, irmãs, primas, tias e mães mais”, continuou a ex-directora da revista de moda Chocolate.

Para Mell, é importante que se dê o devido valor e respeito aos outros, principalmente as mulheres que sofrem por se sentirem excluídas e não serem aceites como são, pois envelhecer faz parte da vida de todo ser humano mais que muitos ficam pelo caminho.

“Respeito, Empatia… e não é indirecta para ninguém é mesmo uma directa para todos que fazem isso. Recebo mensagem todos os dias de mulheres com a minha idade, mais velhas e até de jovens a pedirem ajuda e a sofrerem por se sentirem excluídas e não serem aceites como são. Há hábitos e cuidados que podemos adoptar para nos sentirmos melhores mas que seja para nós mesmos e não para agradar os outros. Há cuidados com a pele, cabelos e alimentação que podem elevar a auto-estima sim, há dicas de moda, há tendências que embonecam… mas acima de tudo precisamos de saber respeitar os outros. Envelhecer faz parte… e é uma bênção pois muitas ficam pelo caminho…”, finalizou.

View this post on Instagram

Sim … deixem as mulheres envelhecerem em paz! O que se passa com as pessoas e o pior de tudo, o que se passa com algumas mulheres? Tenho visto mulheres a rebaixarem outras mulheres por terem peso a mais, por terem rugas, celulite, estrias, se a foto tem filtro, a analisarem as fotos ao pormenor e por aí adiante. A vida é uma benção e nem todos conseguem chegar a certas idades. Menos cobrança sobre as idades e as condições físicas, seja corpo, rosto ou cabelo. Cada um sabe de si, não levem as redes sociais tão a peito. Uns postam a vida real outros enfeitam como querem por isso cada um tem a sua. Somos todos reais e todos teremos o nosso final também, a vida é uma oportunidade única e ver pessoas a viverem frustradas por não serem “aceites” como elas são pela sociedade que só quer ver corpos perfeitos, peles lisas, que querem ver uma perfeição ridícula ou pessoas a viverem a vida dos outros como se fosse uma perseguição. A cobrança é tanta que depois vemos mulheres a porem em risco as suas vidas. Quem quiser fazer tratamentos para perder peso, tirar celulite, estrias, lipo, implantes, dentes … cada um sabe de si e se ficar feliz óptimo. Mulheres mais união, empatia, respeito … sororidade e homens caso não tenham dado conta há mulheres nas vossas famílias também, irmãs, primas, tias e mães mais. Respeito, Empatia …. e não é indirecta para ninguém é mesmo uma directa para todos que fazem isso. Recebo msg todos os dias de mulheres com a minha idade, mais velhas e até de jovens a pedirem ajuda e a sofrerem por se sentirem excluídas e não serem aceites como são. Ha hábitos e cuidados que podemos adoptar para nos sentirmos melhores mas que seja para nós mesmos e não pra agradar os outros. Há cuidados com a pele, cabelos e alimentação que podem elevar a auto-estima sim, há dicas de moda, há tendências que embonecam … mas acima de tudo precisamos de saber respeitar os outros. Envelhecer faz parte … e é uma benção pois muitas ficam pelo caminho… . . #vida #life #respeito #mulheres #beleza #dica #amor #sororidade #redessociais #internet

A post shared by Mell Chaves (@mellchaves) on


Gostou? Partilhe com os teus amigos!

0 Comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *