Vodafone vai oferecer “suporte estratégico e tecnológico ” a Movicel


821 partilhas

De acordo com uma nota de imprensa que à Lusa teve acesso nesta quinta-feira (28), a operadora Vodafone vai assegurar consultoria estratégica à angolana Movicel, no âmbito de um programa em África do grupo de telecomunicações britânico.

Vodafone vai oferecer "suporte estratégico e tecnológico " a Movicel

A Vodafone vai oferecer “suporte estratégico e operacional em diversas áreas, incluindo marketing de consumidor, tecnologia e operações de negócios” à operadora privada angolana, no âmbito do programa Vodafone Partner Markets.

Criado em 2020, este programa inclui 29 empresas em 43 países e abrange parcerias em questões como o ‘roaming’, o uso internacional do telemóvel, ou a revenda de serviços.

A assinatura do acordo de colaboração entre as duas operadores está agendado para esta sexta-feira em Luanda.

Pioneira da nas telecomunicações móveis em Angola quando lançou o negócio em 1992, a Movicel, parcialmente detida pelo Estado, possui cerca de dois milhões de assinantes, sendo a segunda maior operadora móvel no país, com 20% da quota de mercado.

Esta colaboração poderá abrir caminho a “mais oportunidades” para beneficiar os respetivos clientes, adiantou o presidente executivo da Vodafone Partner Markets, Diego Massidda. Citado no mesmo comunicado, Massidda afirmou que o objetivo do acordo estratégico com a Movicel é “levar o melhor da inovação, serviços e experiência da Vodafone a Angola para desenvolver ainda mais os negócios e a economia digital” do país.

Gianvittorio Maselli, presidente executivo da Movicel Angola, vincou que este é mais um passo na transformação na Movicel em Angola, acrescentando: “Este compromisso proporcionará à Movicel conhecimentos técnicos e de marketing que vão melhorar a qualidade dos serviços que oferecemos aos nossos clientes e acelerar a expansão dos serviços digitais em Angola”.

O Grupo Vodafone tem operações móveis em 25 países, parceiros com redes móveis em mais 43 e operações de banda larga fixa em 19 mercados, somando cerca de 700 milhões de clientes móveis e 21 milhões de clientes de banda larga fixa.


Gostou? Partilhe com os teus amigos!

821 partilhas

0 Comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *