Saiba as razões e o que fazer quando o seu cartão for retido pelo ATM


Os cartões multicaixas são hoje amplamente usados, mas há situações, como o caso de ficar retido num ATM, que obrigam o utilizador a realizar um conjunto de acções para recuperá-lo. Neste artigo o AngoRussia reuniu algumas dicas que podem servir-lhe de apoio em caso de contratempos. 

Os ATM’s continua a ser um recurso muito utilizado pelos angolanos que ali recorrem para os mais variados movimentos bancários como consulta de saldo, recargas de telemóvel pré-pago, pagamento de serviços como subscrições de acesso à Internet, pacotes de TV, e transferências bancárias.

Antes de destacar o que fazer, entenda que um cartão pode estar retido por diversas razões desde a rejeição do cartão, que pode simplesmente dever-se a um erro de leitura do seu chip e outros incidentes como:

  • Demora ao retirar o cartão após de concluída a operação
  • Demasiados códigos secretos, (PIN) errados
  • Cartão expirado
  • Cartão inválido
  • Cartão em lista negra
  • Retenção por instrução da entidade emissora
  • Avaria da máquina
  • Ataque contra o sistema multibanco.

Em caso de retenção, o utilizador pode seguir os seguintes passos:

  1. Se o ATM estiver dentro de uma agência bancária e em horário de expediente desta, entre e informe a um funcionário o sucedido;
  2. Após uma operação, o cliente deve contactar de imediato o banco emissor do cartão que pode estar caducado;
  3. A máquina pode ter igualmente avariado e haver o risco de alguma fraude, sobretudo se, em simultâneo, surgir uma mensagem para retirar o cartão;
  4.  Sem perder de vista o cartão, procure apoio na agência.