Ministério das Finanças invadido por hackers


A plataforma tecnológica do Ministério das Finanças (MinFin), sofreu no passado dia 17 de Fevereiro um ataque cibernético.

A informação foi tornada pública através de um comunicado divulgado pelo MinFin no seu site official, que frisa que as origens e motivações do ocorrido continuam desconhecidas.

Publicidade

As investigações para se saber a real dimensão dos problemas estão a ser levadas a cabo pelo Serviço de Tecnologia de Informação e Comunicação das Finanças Publicas (SETIC-FP), não estando ausente a possibilidade de constrangimento a respeito da comunicação interna e externa do sistema. No que diz respeito ao sistema de arrecadação de receitas, a entidade informou que se mantém em bom funcionamento.

”O Serviço de Tecnologias de Informação e Comunicação das Finanças Públicas (SETIC-FP) está a identificar o alcance da perturbação e os potenciais constrangimentos causados nos postos de trabalho do Ministério das Finanças e organismos tutelados, principalmente o programa de desmaterialização da correspondência interna e externa”, diz o ministério no documento que aproveitou para assegur ainda que os sistemas de arrecadação de receitas encontram-se em pleno funcionamento.

 “Os sistemas de arrecadação de receitas (SIGT, ASYCUDA, Portal de Serviços, Portal Munícipe, Portal do Contribuinte e Sistema Integrado de Gestão Financeira do Estado-SIGFE) bem como os portais institucionais encontram-se em pleno funcionamento”, assegurou o MinFin.

Para terminar, o  Ministério das Finanças aproveitou a ocasião para tranquilizar os cidadãos nacionais e comunidade financeira internacional quanto ao firme engajamento nos compromissos financeiros do Estado angolano, num contexto macroeconómico de consolidação orçamental.

 

Por: Ester Mendes


Gostou? Partilhe com os teus amigos!

0 Comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *