Comunidades Rurais angolanas poderão ter acesso à internet “One Web” em 2021


Depois do presidente da República, João Lourenço ter aprovado a construção de novo satélite Angosat-3, numa parceria entre o governo angolano e a empresa americana de telecomunicações One Web, várias zonas rurais poderão agora ter acesso à internet em banda larga com o projecto em questão, até 2021. 

Comunidades Rurais angolanas poderão ter acesso à internet "One Web" em 2021

O Presidente da Republica  João Lourenço, recebeu na manhã desta segunda-feira (13) de Maio, no Palácio Presidencial, Greg Wyler, fundador da One Web, onde durante o encontro, abortaram diversos assuntos, bem como as linhas gerais de implementação do projecto em Angola, cujos custos não avançou, mas que o mesmo terá inicio previsto para 2020.

Ainda segundo Greg Wyler, a escolha de Angola deve-se ao facto de apresentar um considerável potencial de crescimento no ramo, além de ser uma aposta do Estado angolano para mitigar algumas dificuldades de acesso às telecomunicações às zonas rurais.

Essa estrutura espacial deve ajudar a conectar países como Angola, ajudando os operadores móveis e operadores de serviço de Internet a chegarem às áreas mais recônditas, onde as telecomunicações são ainda bastante deficitárias e o investimento muito oneroso.

A One Web foi Fundada em 2012 e em Fevereiro deste ano (2019), os seus primeiros seis satélites com o objectivo de fornecer Internet de banda larga aos usuários de todo o mundo. A meta da companhia americana é montar uma constelação com até 1980 satélites.


Gostou? Partilhe com os teus amigos!

0 Comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *