Zonas de Luanda sem água potável devido o excesso de lixo nas estações de tratamento


O municípios de Belas, Luanda, Talatona, Kilamba Kiaxi e Viana , encontram-se sob privação de abastecimento de água potável, fruto do excesso de lixo  que chega às estações de tratamento.

Segundo declarações da Empresa Pública de Água de Luanda (EPAL), os constrangimentos devem-se aos problemas de recolha de lixo nas referidas zonas, nos últimos meses.

Publicidade

Por conta disso, a quantidade de químicos que está a ser usada no tratamento da água, deixa-a temporariamente sem condições de consumo humano, por exceder o recomendável. Porém, as equipas técnicas de EPAL , tranquilizam a sociedade, afirmando que estão a proceder a vigilância da água para garantir que esta só chega as residências quando apresentar os níveis de químicos adequado para o consumo.

Importar frisar que Luanda produz diariamente pelo menos 6.800 toneladas de resíduos sólidos e com as últimas chuvas aumentaram ainda mais a situação do lixo na capital.


Gostou? Partilhe com os teus amigos!

0 Comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *