Vacina única contra a gripe e Covid pode estar disponível em 2023


A farmacêutica norte-americana Moderna pretende lançar uma vacina combinada de reforço único contra a gripe comum e a Covid-19 dentro de dois anos.

Stéphane Bancel, Director Executivo da empresa, disse que a vacina combinada, irá proteger contra a Covid-19, gripe e RSV, um vírus respiratório comum.

“O nosso objectivo é ter um único reforço anual para que não tenhamos problemas de conformidade em que as pessoas não querem tomar duas ou três vacinas por inverno”, contou o CEO da Moderna numa sessão de painel no Fórum Económico Mundial em Davos.

Bancel disse anteriormente que a população pode necessitar de tomar uma quarta dose de vacina, visto que a protecção facultada pela injecção de reforço diminui nos meses seguintes.

Publicidade

Adicionalmente, afirmou que o candidato à vacina da Moderna visando em específico a variante Ómicron do coronavírus está quase concluído e que o seu desenvolvimento clínico ocorrerá em breve.

A empresa norte-americana espera poder compartilhar novos dados com as autoridades reguladoras por volta de março, divulgou o The Guardian.