Morre aos 88 anos, Toni Morrison a primeira escritora negra a ganhar prémio Nobel da Literatura


A escritora e professora norte-americana Toni Morrison, que foi uma das vozes das letras afro-americanas, a primeira e única escritora negra a ganhar um prémio Nobel de literatura, em 1993, morreu nesta terça-feira (06) de Agosto, em Nova Iorque, vitima de doença.

Morre aos 88 anos, Toni Morrison a primeira escritora negra a ganhar prémio Nobel da Literatura

De acordo com a editora Alfred A. Knopf, a escritora que muito inspirou outras mulheres negras e não só, estava internada no Centro Médico Montefiore, em Nova York. Toni, tem cerca de 11 livros publicados, romances, textos infantis e ensaios, incluindo “Amada”, que lhe foi merecido o prémio do Pulitzer e o American Book Award em 1988 pelo romance “Beloved”.

Este romance foi adaptado ao cinema tendo tido como protagonista Oprah Winfrey e também o actor Danny Glover. Conta a história verídica que aconteceu no Kentucky em 1856 de uma ex-escrava que mata a sua própria filha ainda bebé para que se livre ao destino da servidão.

Em 2008, Toni Morrison deu seu apoio ao então senador Barack Obama disputa pela indicação à presidência pelo Partido Democrata. Anos antes, em um ensaio publicado em 1998 pela revista The New Yorker, Toni Morrison escreveu que, “apesar da cor branca de sua pele, Bill Clinton é o nosso primeiro presidente negro”.


Gostou? Partilhe com os teus amigos!

0 Comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *