Loja “30 do Kilamba” encerrada por falta de higiene


A repartição de fiscalização do distrito Urbano do Kilamba em conjunto com com a repartição de saúde e das actividades económicas no âmbito das suas actividades, procederam nesta segunda-feira, 26 de Julho, a suspensão temporária de um estabelecimento comercial localizado no edifício R14 do distrito, conhecida como “30 do Kilamba”, por falta de higiene e outras irregularidades.

A loja 30 do Kilamba procedia a venda de diversos produtos de primeira necessidade. A degradação do estabelecimento por negligência, a falta de higiene, o péssimo acondicionamento dos produtos, falta de facturas para os clientes, falta de boletim de sanidade, falta de ventilação dentro do estabelecimento, falta de preços afixados, alvarás com data de validade vencida foram as principais irregularidades com que se depararam os inspectores das repartições de fiscalização, saúde e actividades económicas.

Publicidade

A referida loja só poderá reabrir  após cumprir com todas as recomendações deixadas pelos inspectores, como: melhorar as condições de higiene no interior e exterior, melhorar as condições de acondicionamento dos produtos tanto nas prateleiras como no estoque, afixar os preços, entregar facturas aos clientes e efectuar o pagamento referente a multa por todas as infrações cometidas.

Por: Isabel Silva

 


Gostou? Partilhe com os teus amigos!

0 Comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *