INAGBE disponibiliza 6500 bolsas internas a partir de hoje


O Instituto Nacional de Gestão de Bolsas de Estudo (INAGBE), deu inicio nesta sexta-feira (24) de Maio até 22 de Junho, às inscrições para 6.500 bolsas internas 5.500 dos quais para graduação (licenciatura) e mil para pós-graduação mestrado e doutoramento.

INAGBE disponibiliza 6500 bolsas internas a partir de hoje

De acordo com a directora do INAGBE, Ana Paula Elias, durante a conferência de imprensa nesta manhã, em 2018 a instituição tinha inicialmente disponibilizado apenas 5.200 bolsas, sendo 4.600 para graduação e 600 para pós-graduação. O aumento de bolsas vem responder a meta preconizada pelo Executivo que prevê, por via do Plano de Desenvolvimento Nacional (PDN), a atribuição de seis mil bolsas de estudo por ano.

Estão habilitados às bolsas de estudo de graduação e de pós-graduação apenas os candidatos que estejam matriculados, inscritos e a frequentar um curso.

Disse ainda que os estudantes que apresentarem certificado de mérito e de excelência, assim como aqueles que estiverem a frequentar cursos considerados pelo Plano Nacional de Formação de Quadro como prioritários e deficitário no país, como são os de Engenharia, Ciência da Saúde, Medicina, Artes, Desportos e Agronomia têm mais possibilidade para obterem bolsa.

Os candidatos que estiverem a frequentar instituições e cursos ilegais no país estão impedidos de concorrer às bolsas. De igual modo, aos que terminaram o ensino médio e ficaram parados dois anos. Para os concorrente à bolsa de graduação deve ter no máximo 25 anos, mestrado até 35 anos e doutoramento até 45 anos.

O interessados devem inscrever-se através do portal www.inagbeonline.com


Gostou? Partilhe com os teus amigos!

2 Comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

  1. Bem, sou estudante do curso de enfermagem, porém, estou com alguma inquietação quanto à data de término das inscrições, o término está previsto para o dia 22 ou 24 do mês corrente?…

  2. Eu sou estudante do 4º ano, e gostaria de saber se há possibilidade de eu conseguir uma vaga (bolsa de estudo) no final de ano para fazer uma outra licenciatura no exterior do país (sem ter que necessariamente, fazer uma outra inscrição numa universidade cá em Angola)?