Homem morre em Barcelona após disparo de arma de choques eléctricos


Um homem morreu em Barcelona, esta quinta-feira, 02 de Dezembro, depois de ter recebido um choque eléctrico de um taser (arma de choques eléctricos) disparada pelos agentes da polícia local. O incidente ocorreu na casa da vítima, para onde as autoridades se deslocaram após terem sido alertadas por um amigo do homem de que este ameaçava matar a mãe.

De acordo a Metrópoli Abierta, os agentes conseguiram controlar o homem, que se encontrava muito alterado, após acederem ao interior da habitação através da varanda de um vizinho, depois do suspeito ter bloqueado a porta. Durante a detenção, a polícia fez uso do taser “ajustada ao protocolo”. No entanto, após o choque elétrico, o homem desmaiou e acabou por morrer horas depois no hospital por insuficiência cardíaca.

Publicidade

Segundo o testemunho de vizinhos, a vítima tinha um longo histórico de violência. Era viciado em drogas e a polícia afirma também que tinha problemas mentais, e estava a sofrer um surto psicótico quando chegaram ao local.

Por seu turno, o diretor da Polícia da Catalunha, Pere Ferrer, garantiu que o protocolo para a utilização de tasers foi correctamente seguido e cumprido aquando da abordagem da vítima.

Em declarações à imprensa local, Ferrer assegurou que a vítima estava consciente depois de ter sido controlada com recurso a essa arma e que existia uma unidade do Sistema de Emergência Médica (SEM) no local. O transporte para o hospital também terá decorrido conforme indicado, reforçou, acreditando que a autópsia deverá determinar a causa da morte.


Gostou? Partilhe com os teus amigos!

0 Comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *