Criança angolana com desnutrição severa carece de ajuda urgente


Adriano é uma criança de apenas dois anos de idade, órfão de pai,  que está com uma desnutrição severa, o que faz com aos 2 anos pese apenas 9kg. O pequeno e a sua família residem no bairro Patriota, Luanda, e enfrentam neste momento uma situação crítica. 

Até há pouco tempo Adriano pesava somente 3kg, mas uma “alma caridosa” apercebeu-se da sua história e o levou a uma das unidades hospitalares de Luanda, onde ficou internado durante um mês. Apesar de ter tido alta há uma semana, o seu quadro clínico continua a ser alarmante.

Publicidade

Com a ajuda de uma Organização Não Governamental, hoje o pequeno pesa 9kg, que ainda  não é um peso ideal para sua idade. De acordo com os especialistas uma criança de dois anos deve apresentar o peso médio de 12,2 kg e máximo de 15,3 kg.

Julieta, mãe do pequeno, perdeu o companheiro quando o filho tinha apenas sete meses de vida, e desde então tem lutado para sustentar a família com uma renda mensal de 18 mil kwanzas, que consegue através de pequenos negócios que faz à porta de casa.

Com objectivo de ajudar, a ONG Actos Angola providenciou o internamento imediato de Adriano e deu início a uma companha para apoiar a família que é composta por 12 pessoas (9 crianças, Julieta – mãe de Adriano, a avó e uma tia do menino).

Abaixo estão os meios para prestar ajuda ao pequeno:

Angola

IBAN: 0055.0000.9890.7697.1089-5

Brasil

Ou pix: o3o.254.73.0001 31

É iportante enviar o comprovativo para o número: +244 926 577 210 ou por mensagem no Instagram da @ongatosangola