Cresce o número de crianças que desistem da escola para ajudar os pais na busca do sustento das famílias


Segundo o Director Municipal da Educação do município do Andulo, província do Bié, Fonseca Satula, o número de crianças que abandonam a escola para  ajudar os pais e encarregados de educação nas lavras e em outras actividades que garantem o sustento das famílias, tem crescido cada vez mais.

O responsável local da educação, afirmou recentemente que a situação é muito preocupante nas aldeias e povoações, principalmente por serem os próprios pais e encarregados de educação a preferirem ocupar os filhos nas lavras ao invés de os incentivarem a frequentar a escola.

Publicidade

Fonseca Satula, apelou ainda as autoridades religiosas e tradicionais no sentido de sensibilização aos pais e encarregados de educação  a não retirarem delas esse direito.


Gostou? Partilhe com os teus amigos!

0 Comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *