Covid-19: Governo admite administração de terceira dose em 2022


A ministra da Saúde, Sílvia Lutucuta, admitiu a possibilidade de administração em 2022 de uma terceira dose da vacina contra à Covid-19 aos profissionais da linha da frente no combate da pandemia. 

Segundo a ministra, que falava no espaço grande entrevista da Televisão Pública de Angola (TPA), citada pela Angop, a intenção é devido a letalidade das novas vagas da doença por ser muito letal na transmissão e aumentar o número de mortes.

Publicidade

Apesar de constar da  agenda a administração da terceira dose aos profissionais da linha da frente, Sílvia Lutucuta disse que a prioridade é a administração da segunda dose da vacina contra à Covid-19 para a imunização da população.

Angola conta com um cumulativo de 61.794 casos, dos quais 1.642 óbitos, 50.041 recuperados e 10.111 activos. Dos casos activos, 17 estão em estado critic, 47 graves, 136 moderados, 71 leves e 9.840 assintomáticos.

A doença respiratória é provocada pelo coronavírus SARS-CoV-2, detetado no final de 2019 em Wuhan, cidade do centro da China, e atualmente com variantes identificadas em países como Reino Unido, Índia, África do Sul, Brasil ou Peru.

 

 

AR/Angop


Gostou? Partilhe com os teus amigos!

0 Comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *