Cidadãos que pagaram moradias nas centralidades de Luanda devem receber em Abril


A Imogestin estima proceder a entrega de habitações aos cidadãos regularmente inscritos no processo de aquisição de moradias nas centralidades do Kilamba e do Cacuaco, em Luanda, a partir de Abril deste ano, disse hoje, quarta-feira, o director comercial para novos projectos habitacionais, Gilberto Monteiro.

cacuaco

O gestor deu essa informação numa conferência de imprensa promovida pela Imogestin, visando dar a conhecer que a empresa continua a receber reclamações de cidadãos que pagaram moradias e não receberam, mas apenas daqueles que nunca fizeram (reclamação).

Publicidade

Gilberto Monteiro avançou tal horizonte temporal para a entrega das habitações porque estima-se que até lá esteja concluído o processo de reclamações dos cidadãos nestas circunstâncias.

Gilberto Monteiro anunciou, igualmente, que a partir de dia 2 de Fevereiro próximo serão abertos, nas cidades do Kilamba e do Cacuaco, postos de reclamações destinados àquelas pessoas que ainda não fizeram nem pela Sonip nem pela Imogestin.

“Os cidadãos que não enviaram a ficha de inscrição ou senha, comprovativo de depósito bancário, cópia do B.I. e da reclamação efectuada, caso tenha, dentro do prazo que vai de 19 até 27 de Janeiro deste ano, poderão ainda efectuar pelos endereços reclamacoeskilamba@gmail.com; reclamacoeskilamba@outlook.com;  reclamcoeszango@gmail.com e reclamacoescacuaco@gmail.com, precisou a fonte.

Por outro lado, informou que há muitas reclamações de pessoas cujos nomes não constam da lista de 2.888 inscritos fornecidas pela Sonip à Imogestin, mas que toda reclamação está a ser respondida.


Gostou? Partilhe com os teus amigos!

Um Comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

  1. PEÇO APENAS QUE NÃO SEJAM COMO A SONIP E DELTA. QUE SEJAM CÉLERES E NÃO VEJO A RAZÃO DE TANTA DEMORA NA ENTREGA DAS RESIDÊNCIAS, POIS QUE O PROCESSO DE CRIAÇÃO DE COMISSÕES VEM DESDE O ANO PASSADO. SÓ ESPERO QUE NÃO SE INFILTREM GENTES DE SEI LÁ DE ONDE A FIM DE OCUPAREM MAIS UMA VEZ, COMO ACONTECEU NA GESTÃO DA SONIP EM QUE MUITOS ATÉ HOJE ESTÃO A VIVER NO KILAMBA EM CASAS QUE MUITOS COMO EU PAGARAM E NÃO AS RECEBERAM, POR CULPA DOS BISNESS (BIZNOS). PEÇO QUE RESPEITEM A DIGNIDADE DOS CIDADÃOS QUE ORDEIRAMENTE CUMPRIRAM OS PRESSUPOSTOS LEGAIS PARA AQUISIÇÃO DE UMA RESIDÊNCIA E NÃO FORAM TIDOS NEM ACHADOS ATÉ HOJE, FAZENDO CRER QUE "ANGOLA É DOS VIVOS, OU SEJA, DOS QUE FAZEM BISNESS DE FORMA ILEGAL". ACREDITO QUE NÃO DEVE SER ASSIM, POR ISSO, MAS UMA VEZ, PACIENTEMENTE ACEITAMOS ESPERAR ATÉ ABRIL E DEPOIS É QUE NINGUÉM NOS HÁ DE PARAR!