Cidadão perde à vida na tentativa de ser imune à balas em casa de suposto curandeiro


Morreu aos 48 anos o cidadão um que em vida se chamou Victor Zimbo Pascoal, no bairro Boa Esperança, no distrito do Kicolo, que numa tentativa de uso de forças ocultas procurou por um curandeiro “kimbandeiro” para que o concedesse a imunidade à balas, segundo informou nesta segunda-feira (14) o inspector-chefe da Polícia Nacional Néstor Goubel a RNA.

Victor Pascoal movido por razões desconhecidas à Polícia, recorreu ao suposto curandeiro “Mestre Alfa Milagres”, para o transformar imune à balas onde acabou por perder à vida, quando solicitou o teste para provar a eficiência do trabalho feito em seu corpo. Segundo à RNA que cita fontes policiais, o objectivo da vítima era obter uma cura milagrosa que garantisse que o seu corpo se transformasse à prova de balas.

Publicidade

Após o sucedido, o curandeiro e o suposto autor do disparo meteram-se em fuga, tendo a Polícia capturado dois dos ajudantes do mestre Alfa.


Gostou? Partilhe com os teus amigos!

0 Comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *