Cidadão detido por se fazer passar por agente bombeiro para atrair mulher


Um cidadão de 30 anos de idade que se passava por agente do Serviço de Protecção Civil e Bombeiros, para impressionar e atrair uma jovem, foi detido nesta quarta-feira 08 de Novembro, no Lubango, Huíla, por agentes da Polícia Nacional (PN). 

A informação foi avançada à imprensa pelo porta-voz do comando provincial da Polícia Nacional, Inspector-chefe Fernando Tongo, durante a apresentação de 17 supostos marginais, acusados de crimes de tentativa de homicídio, roubo e aborto ilegal.

Publicidade

Fernando Tongo explicou que o acusado apropriou-se do uniforme de um primo, que é agente bombeiro, no bairro 14 de Abril e passou a usá-lo para impressionar a jovem a fim de aceitá-lo como namorado.

Em interrogatório, o suspeito explicou que tinha dito à jovem que era efectivo dos bombeiros e pensou que ao usar a farda ela acreditaria na farsa que durou apenas seis horas até ser preso num bar em que ambos conviviam.

O suspeito cuja identidade não foi revelada, será entregue nas próximas horas ao Ministério Público.


Gostou? Partilhe com os teus amigos!

Um Comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *