Mamão, ananás e laranja estão entre as frutas que ajudam a tratar infecções urinárias


531 partilhas

Além dos comprimidos, as frutas ricas em vitamina C, também são bons indicadores a ajudar a exterminar as diversas bactérias presentes na bexigas que causam a infecção urinária. 

Mamão, ananás e laranja estão entre as frutas que ajudam a tratar infecções urinárias

O tratamento de infecções urinárias varia muito de acordo com o tipo de cada infecção da sua gravidade também. E geralmente o seu tratamento é feito à base de antibióticos, o uso de analgésico para aliviar a dor e a ardência ao urinar, não só como também vai variar de acordo com a frequência que o paciente apresenta quadros infecciosos.

Além do tratamento de comprimidos, os médicos também aconselham seguir algumas regras na alimentação, onde as frutas ricas em vitaminas C podem ser suas aliadas e ajudam a eliminar as bactérias presentes na bexigas, e entre estas frutas estão o mamão, laranja, ananás, limão, mirtilos e uvas vermelhas.

O mamão: fruta rica em acidez capaz de eliminar as bactérias e de tratar as infecções urinárias, é considerada como um tesouro natural de antioxidantes e vitamina C.

A laranja e limão: a polpa de ambas as frutas também servem para limpar os intestinos, basta um sumo natural por dia de laranja com limão.

O ananás: é outro exemplo de fruta que dispõe de uma enzima anti-inflamatória que acelera a recuperação. Trata-se de uma fruta medicinal a não ser dispensada no consumo diário seja em sumo ou em salada.

Os mirtilos: aumentam a acidez da urina, e com isso, elimina toda a classe de bactérias, além de evitar que as mesmas fiquem aderidas no trato urinário.

As uvas vermelhas: são ricos tesouros naturais que cuidam de nosso sistema urinário, quase com tanta intensidade que os mirtilos. Elas são ricas em antioxidantes que reduzem a inflamação, são diuréticas e nos proporcionam óptimas vitaminas.

As infecções urinárias geralmente ocorrem mais quando as bactérias entram no trato urinário através da uretra e  multiplicam-se na bexiga, embora o sistema urinário tenha sido projectado para manter esses invasores microscópicos, muitas dessas defesas às vezes falham, e acontece, as bactérias se apoderar e transformam-se em uma infecção completa no trato urinário.

 


Gostou? Partilhe com os teus amigos!

531 partilhas

0 Comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *