“LM Eventos” lança-se no mercado angolano como assessora de eventos


Focada no empreendedorismo angolano, a “LM Eventos”,  projectada e liderada pela empresária Leonora Martins, estreou-se oficialmente como marca e empresa angolana nesta sexta-feira 28 de Agosto, no Hotel Epic Sana, em Luanda, num evento denominado “Business Master Class”.

Em entrevista ao Angorussia, a mentora do projecto, Leonora Martins, sublinhou que o lançamento da sua marca é a realização de um sonho projectado detalhadamente, que contou com ajuda da sua equipa e patrocinadores para vê-lo concretizado.

Publicidade

“É um sonho que está a se tornar realidade, eu idealizei e agora estou a solidificar, com a ajuda da minha equipa, e dos meus patrocinadores sem eles nada seria possível”, Disse a mentora do projecto.

Estiveram presentes na conferência, vários empresários afectados pela pandemia da Coid-19, que procuraram reinventar-se e  buscar saídas para o sector, de modo a combater o elevado índice de desemprego em Angola. Nomeadamente, Rui Silva, empresário na área de restauração, Helka Guimarães, Professor de etiqueta, Daniel Sapateiro, consultor financeiro, e vários outros convidados que se juntaram para uma tarde de pura troca de experiência.

A apresentação do evento esteve a cargo da apresentadora e radialista, Vânia de Oliveira.

Rui Silva  contou como foi a sua experiência  para a realização do seu projecto, antes mesmo de se tornar o tão frequentado, e conhecido restaurante  “Club S”, falou também sobre as consequências que a pandemia trouxe para o seu estabelecimento, e como teve que recriar-se face a Covid-19.

“Comecei com a R&B, juntei dinheiro, mas não  era suficiente para o meu projecto, então ao invés  de comprar mobílias, coisas já  feitas, eu e a minha equipe da R&B colocamos a mão na massa, compramos os materiais e começamos a confecciona-los com os profissionais aí mesmo no que hoje é o Club S, hoje é o que é. Com a pandemia a princípio  tivemos que fechar, depois de um tempo reduzir o número de pessoas, e depois o horário, tive que me reinventar, ao invés dos eventos a noite que rendiam outrora, passei a promover eventos de dias, criar feiras para trair consumidores”, frisou.

Os empresários interagiam entre si, trocavam experiências dos vários anos que estão no mercado de negócio.

Por sua vez, o consultor Daniel Sapateira, realçou que o sucesso de uma empresa não depende somente dos funcionários, mas também do líder da mesma, pois, vezes há que é necessário “colocar a mão na massa”.

“Pessoas ficavam chateadas comigo quando eu pegava uma vassoura para varrer, e mesmo hoje dizem para mim que aprenderam muito comigo e que o chefe deve botar a mão na massa, se tiver que varrer, varre! Se tiver que servir café para o cliente, sirva, porque no final das contas são eles que fazem o nosso sucesso e principalmente o nosso salário”, disse o consultor Daniel Sapateira quando contribuía na explanação de Rui Silva.

A atracção musical foi de Esperança Miranda, ex participante do “The voice Angola” que brindou os presentes com boa música, tornando a tarde mais agradável.

Esperanç

 

Por: Eucadia Ferreira


Gostou? Partilhe com os teus amigos!

0 Comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *