Quantcast

Ex-agente de Plutónio “Don P” acusado de roubar Milhões das vendas de cd´s e shows

0
iPixel – Leaderboard

William Gaspar, popularmente conhecido por “Don P”,  ex-agente do músico e produtor luso-moçambicano Plutónio, está a ser acusado de roubar milhões de kwanzas de vendas de CD’s, Merchandise e Shows e de seguida ter  fugido  para Portugal. 

Don P,  está a ser acusado pelo ceo da agência  “Afro Digital” Johel Almeida de ter roubado cerca de dois milhões de kwanzas, arrecadados das vendas de cd´s, Merchandise e de vários shows que o músico realizou. Almeida mostra-se estupefacto com a atitude de Don P, uma vez que ambos trabalham juntos a vários anos.

Segundo o ceo, ele era o responsável por controlar o dinheiro porque supostamente tinha  amigos no banco que lhes iam facilitar as transferências, só que, na hora de o fazer, Don P entrou em voltas,  chegou até mesmo de criar contas falsas no facebook, passar cheques sem fundos e acusar a família de o ter roubado.

Veja a nota de imprensa e saiba aos pormenores: 

Por Johel Almeida CEO da Afrodigital: Gostava que a noticia tivesse mesmo em grande o texto: Ex-Manager de Plutónio, William Gaspar, mais conhecido como “Don P” Rouba milhões de kwanzas de vendas de CD’s, Merchandise e Shows e foge para Portugal. Infelizmente isto não é nenhum boato mas sim a pura verdade, isto era uma pessoa que ja trabalhava comigo e com o Plutónio a alguns anos, Tratava da carreira do Plutónio e tratava da produção dos vídeos da Afro Digital. Durante o mês de Agosto e Setembro a Afro Digital esteve em Angola a trabalhar directamente com o Plutónio mas entretanto nas vagas aproveitamos o tempo para trabalhar com outros Artistas Angolanos e tal como o Plutónio confiamos no Don P para que pudesse guardar esse dinheiro, visto que ele ficou encarregue disso por ter alguns conhecidos no banco que pudessem facilitar as transferências. Tive meses atrás dele para que devolvesse o dinheiro ou pelo menos dissesse a verdade acerca do que se tinha passado mas ele teve sempre a evitar e arranjar desculpas e chegou mesmo até ao ponto de passar cheques sem fundos, criar facebooks falsos e tentar culpar a própria família de o ter roubado. Nas produções dos vídeos em Lisboa sempre houve uma falha ou outra com o dinheiro mas sempre foram valores mínimos, desta vez ele simplesmente desapareceu com cerca de 1 Milhão 350 mil KZ fora o que ele ja nos devia e foi tirando das produções dos vídeos. Só quando eu abordei o Plutónio directamente acerca do que se passava é que fomos descobrindo a dimensão das mentiras e dos roubos. O Plutónio como artista tudo que fossem valores e negociações deixava nas mãos do Don P e ele aproveitou se disso para enganar vários Artistas, Organizadores de Eventos e até mesmo o próprio Plutónio que esteve meses em Angola a promover o seu álbum mais recente Preto e Vermelho. É uma situação extremamente triste e sensível tanto pra mim como para ele pois ja considerávamos o Don P como família e custou nos acreditar que por Dinheiro ele fosse capaz de arriscar destruir uma Carreira e uma Empresa que ele próprio ajudou a crescer. Ele foi capaz de manipular e enganar todos ao seu redor e até hoje não sabemos onde foram parar os valores tanto da Afro Digital como dos Cashets dos Shows e das Vendas de Plutónio que só por si foram mais de 5 milhões de Kwanzas perdidos. A todos os Artistas, Organizadores/Promotores de Eventos, Djs e pessoas que possam ter sido prejudicadas por essa pessoa pedimos imensas desculpas e espero que compreendam que não tínhamos mesmo noção do que se passava. Entretanto se alguém souber do paradeiro dele ou saiba alguma coisa acerca dos valores agradecíamos que entrassem em contacto connosco. Eu, Johel Almeida, dono da Afro Digital confirmo tudo que se passou e dou um aviso enorme a todos pra manterem se longe dessa pessoa.

Deixe a sua opinião!

Partilhe.