“Comemos com Ela” retrata problemas da sociedade em sua estreia


Em sua estreia e lançamento de Juddy da Conceição como actriz, a peça “Comemos com Ela” apresentada neste Domingo, 5 de Setembro, no Centro de Conferências de Belas, levou o público a reflexão dos mais variados problemas enfrentado pela sociedade.

Escrita pelo encenador e director teatral, Sidónio Massoxi, “Comemos com Ela” retrata a história de três jovens de status totalmente diferentes, que acabam despertando dentro de um quarto de hotel e vão revivendo suas histórias, onde cada um mostra suas frustrações e seus amores. A peça traz reflexões sobre os problemas enfrentados pela sociedade, bem como a liberdade de religião e opinião.

Publicidade

Ernesto Costa, um dos espectadores, disse que valeu a pena comer com ela, porque conseguiu retirar algumas lições.

“Posso dizer que comi com ela e valeu a pena comer com ela, gostei muito e consegui perceber que independentemente de qualquer situação nós não devemos julgar ninguém. Cada um tem as suas diferenças e aprendemos a conviver com ela”, disse.

Quim Fasano destacou que sentiu-se muito honrado pela moldura humana criada pelo público presente na sala do CCB, que o fez chegar a conclusão que têm despertado os amantes de teatro.

“Honra-nos muito ter essa moldura humana nesta sala de quase três mil pessoas, isso significa que temos estado a despertar o público e descobrindo um novo público que gosta de teatro e quer teatro de qualidade “

 

Para reforçar o actor declarou que foi um grande prazer trabalhar com a Juddy da Conceição, sublinhando que esta foi muito bem baptizada, e que além de possuir muitos dotes tem uma naturalidade na interpretação.

Por sua vez, o eterno “Kizua”, Wime Bráulio, fez um balanço positivo, salientando que apesar
da peça começar com um sentido de humor muito forte, leva as pessoas a refletir.

“É uma peça que começa com um sentido de humor muito, mais leva-nos a uma reflexão que é bastante importante, que é o julgamento que as pessoas fazem em relação outrem, julgar o livro pela capa. Temos visto muitas situações que as vezes chegam a morte porque o outro não entendeu o ser e o estar. Nós queríamos trazer essa reflexão em torno das diferenças”, falou.

Estreando como actriz, Juddy da Conceição não só fez um balanço positivo da peça, mas também de sua actuação e contou que foi difícil chegar ao resultado apresentado ao público.

“Faço um balanço muito positivo. Foi muito difícil, foram três meses muito intensos, um mês todo tive que ficar no Brasil, mas mesmo assim ensaiamos pela webcam, foi complicado pensei que não fosse conseguir”, frisou Juddy da Conceição.

A peça “Comemos com Ela” vai ser apresentada em outras províncias de Angola e para comunidade PALOPS (Países Africanos de Língua Oficial Portuguesa).


Gostou? Partilhe com os teus amigos!

0 Comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *