“Os Dias Eram Assim”: Conheça a história da Alice e a família Sampaio Pereira


Não é de hoje que a estudante de Letras Alice personagem interpreta pela actriz (Sophie Charlotte) tem sido um problema para o industrial Arnaldo, (Antonio Calloni).

Há algum tempo a primogénita da família Sampaio Pereira tem perguntado sobre  a educação que recebeu da família. A jovem definitivamente, não concorda que se tornar uma boa esposa é o único caminho possível para ela. E não é só o namoro morno com o jovem advogado Vitor (Daniel de Oliveira), braço-direito do seu pai na construtora Amianto, que a fez rever esse lugar no mundo. Alice quer viver algo diferente. Alice quer, de facto, viver.

Publicidade

Adaptada no ano de 1970. Na confortável cobertura de Ipanema da família Sampaio Pereira, a socialite Kiki (Natália do Vale) tenta controlar o lado assanhado da sua filha mais velha. A mais nova, Nanda (Leticia Braga/Julia Dalavia), prefere não contrariar os pais e, sem perceber, acaba se colocar ao lado deles nas discussões familiares. Arnaldo é autoritário e acha que é com arrogância e ditadura que se mantém uma família unida.

Amorosa e ponderada, Alice sabe que Nanda não o faz por mal. Ainda é pequena para entender que a pressão a que ela e a mãe, Kiki, são submetidas também a vitimizará no futuro. Com a socialite, porém, a conversa é de mulher para mulher: ela não deveria aceitar a maneira desrespeitosa com a qual Arnaldo, por vezes, lhe trata. Mas a Kiki ama a família. E prefere tomar os seus calmantes por excesso a ver a sua ruir.

Escrita por Angela Chaves e Alessandra Poggi, com direcção artística de Carlos Araújo, “Os Dias Eram Assim” é emitida, às 21 horas 15 minutos, no Globo HD, posição 10 da ZAP, de segunda ao sábado, após a novela Salve-se Quem Puder”.

Pode ainda aceder aos conteúdos Globo em Angola através do Globo ON, na posição 72 da ZAP.

 


Gostou? Partilhe com os teus amigos!

0 Comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *