Paulo Flores relembra sucessos do álbum “Quem não quiser, quem não gostar”


O cantor e compositor angolano, Paulo Flores, um dos nomes sonantes da música angolana, proporcionou recentemente aos fãs e seguidores uma viagem ao passado, ao  recordar alguns dos sucessos do seu álbum “Quem não quiser, quem não gostar”, que marcaram e continuam a marcar os amantes de boa música.

Paulo Flores é dono de uma voz inconfundível. Com 22 anos de carreira e 11 discos editados, trabalha para alavancar ainda mais a cultura musical nacional.

Na sua página da rede social Instagram, o músico partilhou musicas do várias músicas do álbum “Quem não quiser, quem não gostar”, lançado em 1992, que marcaram a sua carreira e conquistaram o coração do povo angolano e não só.

“Quem não quiser, quem não gostar”, esse álbum saiu na primeira paz em 1992 e tem músicas como ‘Marik’, ‘Minha Velha’, ‘Coração Farrapo’, ‘Thunda Mu Njilla’,  a segunda versão do ‘Cherry’ e ‘Isso é Boda'”, escreveu.