Os Lambas provocam uma das maiores enchentes dos últimos tempos dos Coqueiros


2.5k partilhas

Para a celebração dos 18 anos de carreira, a noite tinha que estar cravada na mente dos seus fãs e admiradores, por isso, o grupo mais respeitado no kuduro, Os Lambas que estiveram afastados por 4 anos, novamente mostraram que nada mais tem a provar no que toca ao seu talento musical, neste sábado (21) de Dezembro, no Estádio dos Coqueiros, em Luanda. Com convidados mais do que especiais, o grupo levou centenas de fãs a lotaram o recinto e juntos fazerem a festa. 

Foi notório que as saudades moravam nos corações dos angolanos, pois Os Lambas mais uma vez, atendendo aos pedidos dos fãs e seguidores, que queriam vê-los de perto depois de 4 anos afastados, brindaram os presentes que abandonaram as suas residências e lotaram o Estádio dos Coqueiros, com momentos nostálgicos, no seu primeiro grande show, na noite deste sábado 21 de Dezembro. Durante o espetáculo, o grupo aproveitou a ocasião para homenagear ex integrante do grupo, Amizade, o fundador do mesmo que já não faz parte do mundo dos vivos.

Publicidade

Ao som que os tornou conhecido internacionalmente, “Comboio”, militares em palco e o grupo Tuneza em palco, Nagrelha, Bruno King e Andeloy, deram inicio ao espectáculo, protagonizando uma entrada triunfal levado milhares de pessoas ao rubro. Em palco, o grupo interpretou “Comboio”, “Rebenta”, “Mamadi”, “Dança dos Lambas”, “Dança da Vassoura”, “Barulho”, “Mexer o Bumbum”, “O Quatro”, “Aguenta”, “Provou e Gostou”, entre outros sucessos.

Também fizeram a alegria do público, os músicos convidados Noite & Dia, que ‘avançou’ e ‘capotou’ com todos, Yannick Afroman  ‘abriu’ a mentalidade dos presentes e mostrou que independentemente de ser Bacongo, também é uma ‘pessoa normal’, Os Mobbers, que com a sua energia contagiante agitaram o local, esbanjando a alegria electrizante que lhe é característica, Puto Prata em companhia de suas bailarinas, fez sentir sua autenticação na música e dança Kuduro. Dabeleza, Junior Py, Carliteira, Gatuso, Godzila do Game, Bebo Clone, Os Xtrubantu, Yuri da Cunha que enamorou o público ao som do Semba angolano, entre outros artistas.

Nagrelha, o cabeça do grupo, brindou em comunhão com os colegas de profissão, os fãs, com interpretações de algumas das canções do seu álbum a solo intitulado “Arquiteto da Paz”.

Tendo vivido uma noite memorável, Nagrelha em conversa com o AngoRussia, agradeceu a todos que saíram de suas residências e caminharam até ao Estádio dos Coqueiros, para juntos fazerem a festa, na noite deste sábado 21 de Dezembro, que deve ficar cravada na mente não só do grupo como de todo o povo angolano, pois este foi o show do ano de 2019.

Os Lambas ficaram popularmente conhecido em 2001 por cantar o estilo mais mediático da nova geração, o Kuduro, e por ter carisma capaz de agradar e arrastar multidões. Em 2014, Os Lambas haviam cessado as funções quando Bruno King, tomou a decisão de se afastar do grupo por constantes desentendimentos, e ambos apostaram em suas carreiras a solo.

Veja todas as fotos aqui: 


Gostou? Partilhe com os teus amigos!

2.5k partilhas

0 Comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *