Helga Fêty anuncia regresso ao mercado com o álbum “Entrega Total”


Após algum tempo longe dos holofotes por questões de saúde, a cantora e actriz angolana Helga Fêty, anunciou o seu regresso ao mercado nacional em grande com o lançamento do álbum “Entrega Total”, a ser comercializado ainda esta ano. Em entrevista ao AngoRussia, a cantora contou detalhes da sua nova obra discográfica, desde as participações e produção musical. 

Helga Fêty anuncia regresso ao mercado com o álbum "Entrega Total"

“Será o meu primeiro álbum de originais, tenho apenas no mercado um single solidário ‘Edição Especial Solidária’, pela minha produtora FêtyLabel, que comporta 3 faixas musicais e 3 vídeo-clipes dos temas (Maravilhoso), (Porquê que Acabou) e (C’est Moí) e que foi adquirido em troca de alimentos não perecíveis, material didáctico e brinquedos, revertendo todas as doações angariadas à favor do centro de acolhimento infantil que amadrinha Horizonte Azul e do Hospital Pediátrico de Luanda, assina a produção Executiva e Artística do Single e dos Vídeos, assina também a composição de todas as faixas musicais e da Story Board dos seus Vídeos”, começou por dizer.

Uma nova forma nova de intervenção mas de forma leve e numa perspectiva optimista, a cantora garantiu um álbum com boas músicas, que além de Zouk, Semba, o mesmo trás a Helga Fêty numa vertente bem diferente do habitual daquilo que já apresentou ao público angolano.

“O público pode esperar para além do Zouk e da Cola Semba, de 3 Afro Houses e de um Naija com vibes bem actuais e sempre cantando sobre o amor e outras vivências interessantes que passamos no nosso dia à dia. O Cd será comercializado com um DVD bônus com 7 vídeo clipes incluindo 2 antigos e 5 inéditos”, disse.

Ao falar, sobre o seu tema “Sobreviví” que foi apresentado recentemente ao público em um show intimista, num dos restaurantes da cidade capital, Helga disse que o mesmo é dedicado a todos os angolanos, pessoas de fé, autênticos guerreiros e resilientes, autênticos sobreviventes, que viveram tempos piores de guerra e sobreviveram da mesma.

“Somos um povo com uma história rica e inspiradora, precisaria de uma enciclopédia para mencionar exemplos de superação. Dedico a minha composição Sobreviví à todos angolanos, pessoas de fé, autênticos guerreiros e resilientes, autênticos sobreviventes. Não é uma questão de opção, é uma questão de sobrevivência, já vivemos tempos piores de guerra e sobrevivemos, então com a nossa união, com o esforço de todos, vai ser possível ultrapassarmos esta crise. Precisamos de todos angolanos, da sua força de trabalho e intelectual para reconstituirmos o nosso País, o uso de soluções tecnológicas pode ajudar a diminuir a necessidade de mão de obra para trabalhos mais penosos”, finalizou.

O Álbum “Entrega Total”, que visa homenagear o seu primeiro tema que compôs e que teve grande aceitação do público e por me ter entregue totalmente ao projecto, encontra-se a ser editado no Brasil, e masterizado em Portugal com e excepção do último tema que foi à cargo do Djee Lee, Helga revelou o seu primeiro rebento contou com as participações de artistas conceituados no mercado como Caló Pascoal, Filho do Zua, Loromance, Tchoboly e BabyHelly. Enquanto a produção musical, ficou a cargo de Nelo Paim, Presilha, Aires, Calo Pascoal, Johnny Ramos, Tchoboly, Mallaryah, Smach e D2, Satchibala, Dorivas (Showas) e Dj Djulice da Nike.


Gostou? Partilhe com os teus amigos!

0 Comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *