Bruno M: “Enquanto músico, devemos ter noção da nossa responsabilidade social”


William Bruno Diogo do Amaral conhecido artisticamente como Bruno M, é um dos kuduristas mais respeitados pelos angolanos, em entrevista ao AngoRussia, durante o festival organizado pela Unitel, falou sobre vários assuntos, desde sua vida pessoal e profissional,  e lamentou o pouco tempo que lhe foi dado para actuar no “Unitel Festa da Musica”, adiantando que por isso, preferiu explorar o mesmo para partilhar mensagens positivas em vez de dança, atendendo a sua responsabilidade social.

Bruno M: "Enquanto músico, devemos ter noção da nossa responsabilidade social"

Programas ZAP Viva

Bruno M, que conquistou os angolanos com o “Batida Única”, “Tsunami”, “I am”, “Txubila”,” 1 para 2″, “60 Segundos”, entre outras músicas, foi um dos convidados a fazer parte do leque de artistas da 4ª edição do festival “Unitel Festa da Música”, que aconteceu no passado final de semana.

Um dos mais esperados do 2º dia de dois dias de shows, Bruno M, em palco proferiu limitar-se em cantar seus grandes sucesso e passar palavras positivas ao público que aderiu em massa, e justificou o motivo da mesma.

“Enquanto músicos devemos ter noção da responsabilidade social e, não me ocorre levar o público a dançar, tive os 20 minutos de palco, então eu preferi explorar este tempo para partilhar algumas mensagens com o público e espero que tenham recebido da melhor forma”, disse o Kudurista.

Bruno M foi o vencedor do primeiro “Top de Kuduro” realizado em Angola, numa iniciativa da Rádio Escola, e o grupo da Rádio Nacional de Angola. Estreou-se no “Top dos Mais Queridos”, em 2008, com uma das músicas mais ouvida nos últimos anos pelos amantes do kuduro, “Tchubila”.

De lembrar que, após ser batizado na igreja Assembleia de Deus Pentecostal, em 2018,  Bruno M, tem se dedicado em passar a palavra aos outros jovens e canta agora Kuduro no estilo Gospel com mensagens positivas e motivadoras.

 

Por: Mariquinha Matamba


Gostou? Partilhe com os teus amigos!

0 Comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *