Cantor angolano comove internautas ao tatuar rosto de Nagrelha


Após a morte de Nagrelha do Lambas, ocorrida no passado dia 18 de Novembro, o cantor angolano Edson Ramos conhecido artisticamente por Garra Branca, decidiu homenageá-lo ao tatuar o seu rosto, com intuito de mantê-lo ‘vivo’ e presente na sua vida.

Foto: Reprodução Instagram (Garra Branca)

Inconformado com a perda prematura daquele a quem tinha como sua escola, na área da música, no estilo Kuduro, o artista decidiu recentemente converter seu ante-braço num parque temático de tinta dedicado ao falecido. A fotografia partilhada por seus amigos nas suas páginas da rede social Instagram, registra para sempre o seu agradecimento ao ‘Estado Maior do Kuduro”, algo que está a emocionar milhares de internautas angolanos e não só.

“Foi a minha escola no Kuduro, muita gente não sabe”, escreveu o cantor em seus stories.

Veja a homenagem na sua íntegra:

Foto: Reprodução Instagram (Miguel Paz)