“Eu acho que este momento não é o melhor para quem faz moda”- disse Nadir Tati


Em entrevista exclusiva ao Angorussia, a Estilista, designer, e consultora de imagem, Nadir Tati, destacada como a principal referência quando se fala de moda contemporânea em Angola, fez saber que com a situação que se vive actualmente, acredita não ser o melhor momento para sector. E também contou o que a inspira para a criação das suas coleções.

A respeito do estado actual da moda em Angola, Nadir Tati frisou que não é um bom momento para os criadores nacionais, face as condições do país, devido a pandemia da Covid-19, que trouxe muitas limitações. A estilista falou ainda sobre a questão de não ter os grandes eventos nesse momento pandêmico para fazer tal avaliação.

Publicidade

“Eu acho que este momento não é o melhor para quem faz moda, simplesmente porque é um momento muito complexo, muito difícil para os criadores nacionais  porque nós não temos condições de trabalho, e nem eventos para fazer essa avaliação, um ou outro, mas  isso não justifica o enorme país que temos, estamos muito limitados não podemos viajar, só agora é que tiraram a cerca por exemplo”, realçou a estilista.

A estilista contou que actualmente para criação de qualquer peça (look), tem se inspirado com frequência, na condição actual da mulher angolana e na história africana que passa por um processo de identidade e afirmação de um continente que acompanha cada vez mais o mundo num processo de globalização. A profissional da moda destacou ainda que também inspira-se nos gostos de suas clientes. Nadir Tati disse que gosta de sentar, e conversa com as clientes para saber o que gostam ou não, e conhecer o dia-a-dia de quem solicita os seus serviços.

“Eu inspiro-me nelas, eu adoro sentar e conversar saber do dia-a-dia sempre das pessoas com quem vou trabalhar, conversar e saber o que elas gostam ou não, o que elas querem mostrar ou esconder, tenho que saber o que eles querem, só depois é que produzo”, contou Nadir Tati.

Nadir Tati é uma renomada estilista, reconhecida internacionalmente pelo seus trabalho que já passaram em passarelas de eventos como: “Moda Lisboa”, “Moda Luanda”, “Angola Fashion Week” entres outros desfiles importantes, ganhou vários prêmios em reconhecimento do seu trabalho, o de “melhor criadora angolana” durante quatro anos consecutivos ( de 2010 a 2013) e foi nomeada “Diva da Moda”.

Nadir também é responsável por alguns dos vestidos usados pela ex primeira-dama de Angola, Ana Paula dos Santos, em eventos oficiais. Defensora dos direitos humanos, trabalha com crianças e idosos desfavorecidos.

Por: Eucadia Ferreira


Gostou? Partilhe com os teus amigos!

0 Comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *