ZAP se posiciona sobre a continuidade da emissão dos conteúdos do ZAP Viva


Em função das informações tornadas púbicas nesta segunda-feira, 19 de Abril, pelo MINTICS, que davam conta de uma provável paralisação nas emissões do ZAP Viva, a partir do dia 21, por conta de alegadas irregularidades, A ZAP se posicionou através de um comunicado emitido nesta terça-feira, 20 de Abril, sobre o assunto, informando os seus clientes e o público em geral que deu entrada ao final desta manhã no Ministério das Telecomunicações, Tecnologias de Informação e Comunicação Social de um conjunto de documentos com vista a dar resposta às solicitações, de natureza administrativa, notificadas pelo órgão ministerial.

Confiantes de que a Direção Nacional de Informação e Comunicação Institucional (DNICI) e o MTTICS, fará a adequada avaliação da documentação e informações facultadas, a ZAP faz votos de que a emissão do canal ZAP Viva possa continuar a chegar, com toda a normalidade e sem interrupções, aos mais de 1,2 milhões de lares servidos pela ZAP em todo o território nacional.

Publicidade

A instituição aproveitou esta oportunidade para esclarecer que as acções atrás referidas se referem em exclusivo à emissão do canal Zap Viva em Angola, e em nada estão relacionadas com o serviço de distribuição de TV que é assegurado por Satélite e por Fibra ao longo de todo o território nacional (que, de acordo com o próprio comunicado de ontem do MTTICS/ DNICI, se encontram “devidamente legalizados”).

No documento, a ZAP comprometeu-se a fazer a actualização desta informação oportunamente.


Gostou? Partilhe com os teus amigos!

0 Comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *