Heloisa Jorge fala sobre a internacionalização dos actores angolanos e cita Edusa Chindecasse como inspiração


A actriz Heloisa Jorge, que participa neste momento de mais uma trama da Globo, falou em entrevista exclusiva ao AngoRussia sobre a visão que tem a respeito da necessidade dos actores angolanos internacionalizarem as suas carreiras e citou como inspiração nacional Edusa Chindecasse, Ery Costa e Raul Rezende.

Heloisa disse que tem conhecimento dos actores que têm feito trabalhos fora de Angola e que orgulha-se quando apercebe-se que os mesmos estão envolvidos em bons projectos, pois é uma mais valia para a sua terra natal.

Publicidade

” Sei de muitos actores angolanos que estão a viver e a trabalhar fora de Angola e fico muito orgulhosa quando leio que estão envolvidos em bons projectos. Pode parecer que não, mas isso é uma mais-valia para o nosso país. Infelizmente o mercado angolano ainda não nos possibilita viver da nossa arte, o que faz todo sentido, pois as prioridades em Angola são outras, tendo em vista todo o nosso contexto histórico. Sou profunda admiradora dos muitos grupos de teatro que sobrevivem há anos em condições adversas e que ainda assim conseguem levar o nome de Angola para além fronteiras, nos festivais mundo a fora através da arte, como é o caso do Miragens, Horizonte Njinga Mbande, Elinga, Henrique Artes e muitos outros”, começou por dizer.

Quanto a referência na arte de interpretar bem como inspirações, a actriz angolana citou as suas nacionais e internacionais.

“Tenho muitas referências. Zezé Mota, Harildo Deda, Gideon Rosa, Ruth de Souza, Léa Garcia, Fernanda Montenegro, Wagner Moura, Viola Davis, são algumas delas. Em Angola algumas de minhas inspirações são “Ery Costa, Raul Rezende e Edusa Chindecasse.”


Gostou? Partilhe com os teus amigos!