“Yuri da Cunha não faz uso de drogas e está bem”, garante assessoria do cantor


A assessoria de imprensa do músico angolano Yuri da Cunha negou esta segunda-feira (2) de Outubro, que o artista esteja com problemas de saúde, derivados do uso de drogas, afirmando estar a ser alvo de uma campanha difamatória.

Reagindo às imagens e vídeos publicados nas redes sociais, em que o artista aparece debilitado, o assessoria diz tratar-se de uma campanha para “desacreditar e denegrir Yuri da Cunha”.

Publicidade

“Esta cabala é montada por indivíduos bem identificados, que têm como fim único manchar o bom nome de artistas e outras figuras nacionais. O alvo desta vez foi o músico Yuri da Cunha”, lê-se num post da sua assessoria, publicado na página de uma rede social do cantor.

Conforme a sua equipa de trabalho, o artista vive um momento de fragilidade emocional, pela perda recente de vários familiares próximos, e optou por um novo estilo de vida (vegetariano), razão porque apresenta mudanças no físico.

Apelam para o fim daquilo que consideram “estratégia engendrada para deitar abaixo um dos melhores cantores angolanos da sua geração”.

“Toda mudança requer sacrifícios.. Vivi durante muito tempo como escravo da educação confusa que ainda vejo a se apregoar entre os da minha terra. Não sou europeu, não sou americano, não sou asiático…
Eu sou… A F R I C A N O….Não voltarei a ser escravo, sou livre faz tempo. Sai da casa dos meus pais aos 14 anos de idade porque sempre vivi em liberdade.
É a maior liberdade de um ser humano está na sua mente.
Os que tentaram e ainda vão tentar contra o filho de África, muito boa sorte na vossa caminhada.
Eu vou cantando e defendendo minha cultura, e se tentarem me tirar, façam aqui sepultura”, escreveu recentemente o cantor numa publicação na sua conta do Instagram.


Gostou? Partilhe com os teus amigos!

0 Comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *