Preto Show fala sobre o áudio que vazou: -“Meu povo, me arrependo de não ter participado em muitas manifestações civis e não partidárias”


Após estar em envolvido em uma polémica, em função de um áudio vazado em que supostamente se abstinha da participação em manifestações, Preto Show decidiu se pronunciar nesta segunda-feira (26) de Outubro.  

Durante um vídeo de cerca de três minutos divulgado em seu perfil no Instagram, Preto Show falou abertamente sobre o áudio e rebateu as críticas de que tem sido “vítima”.

Publicidade

“Ouve uma manifestação contra um político Edeltrudes do MPLA, pegaram na minha foto e usaram como campanha desta manifestação. Me ligaram e eu disse o seguinte: Eu não vou sair da minha casa para ir manifestar para um político ou um partido, isso não é certo. Eu não sou de nenhum partido e nem tenho que sair para ir nesta manifestação, tenho a minha vida e faço o meu trabalho, e eu sou povo. Quando forem manifestações de desemprego, maus tratos ou mesmo uma civil, como cidadão angolano tenho o direito de ir a mesma que é para uma luta a favor do povo, cidadão civil e não manifestações de lutas partidárias”, começou por explicar.

Indignado e insatisfeito pelo rumo da situação, o artista disse sem mencionar o nome de nenhum partido, que os mesmos aproveitam-se da boa imagem de pessoas influentes para promover companhas políticas, e ressaltou que não luta por partidos e sim pelo seu povo que passa necessidades e, o mesmo que o tem dado força para manter a sua carreira no auge.

“Acontece que os partidos, ultimamente aproveitam-se, pegam pessoas influentes e metem  a cara no cartaz dizendo que também lá vai estar. Eu não vou lutar pelo partido e sim pelo povo que está a sofrer, passa necessidade e é o mesmo que me dá ‘Power’ e forças para eu continuar a trabalhar e ter o sucesso que hoje tenho. Então este povo sempre que precisar de mim, eu vou lá lutar”, disse.

O autor de hit’s como “Sacanagem’, “Pedra” entre outro, aproveitou o manifesto para mostrar-se arrependido de não ter participado antes de manifestações civis e não ajudado a quem de direito e, aproveitou para se disponibilizar a fazer parte das próximas, desde que sejam pacíficas.

“Meu povo eu me arrependo de não ter participado em muitas manifestações civis  e não partidárias para poder ajudar este povo. E eu hoje estou convosco, quando existir manifestação sem violência e sim pacífica, sobre as necessidades que o povo está a passar e eu também sinto na pele, estarei presente. Muito obrigada à todos”, finalizou.

Vale relembrar que, Preto Show participou na noite desta segunda-feira (26) de Outubro, na vigília organizada em homenagem aos mortos, feridos e detidos realizada no Largo da Sagrada Família em Luanda.


Gostou? Partilhe com os teus amigos!

0 Comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *