Poca Py para Pai Profeta: -“É uma vergonha uma civil dar aulas a um militar”


Convidada para edição desta sexta-feira (04) de Janeiro, do programa “Vivà Tarde” comandado por Stela de Carvalho, a cantora que se auto-intitulou como a “juíza do kuduro”, Poca Py manifestou a sua insatisfação ao ouvir comentários a seu respeito vindo do colega Pai Profeta, tendo dito que em termos de música tem a capacidade de dar aulas ao mesmo.

Poca Py para Pai Profeta: -"É uma vergonha uma civil dar aulas a um militar"

“Pai Profeta o TK tem uma música para ti, só não sei se vais conseguir cantar, mais é boa a música meu irmão ao invés de cantares aquela música  ‘bate palma, bate palma’, vai lá a música  tem cabeça, tronco e membro”, disse a kudurista.

Programas ZAP Viva

Questionada por Stela, sobre o porque dos constantes ‘bifes’ no estilo kuduro, Poca Py disse que Pai Profeta é um emocionado e tem pelo habito de atacar os outros.

“Temos de saber reconhecer, a brincadeiras, eu acho que o Pai Profeta é emocionado. Eu não falo com o Pai Banana, mas ele chegar aqui e dizer que o Pai Banana não canta nada até na rua vão lhe bater, dizer que sou Kunanga? você que trabalha não estas a fazer nada de jeito meu querido. Mandar fazer panfletos com o teu rosto para falarem que tens shows, devias parar com isso, ficas a atacar o JT Lopes, está melhor que tu olha porque, olha o ele tem está aqui a cantar. Dizer que sai da Xandos Produções e não estou a fazer nada! Meu querido, sai e consegui me manter quem ouviu a Poca Py em 2017 e ouve à de hoje até as inimigas deram conta que evolui em termos de imagem e jeito de ser. Pai Profeta se nós meterem aqui os dois a cantar de verdade, podem até fazerem um programa vou te dar aulas, é uma vergonha uma civil dar aulas num militar, percebeu bebe. E quando quiser falar de mim pensa primeiro no teu compositor as crianças do quintal e no TK verás que aqui é uma bíblia”, aconselhou Poca Py.


Gostou? Partilhe com os teus amigos!

0 Comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *