Neide Van-Dúnem fala sobre a desvalorização da produção nacional: -“Só têm dinheiro para assistir shows do Panda?”


A actriz e produtora angolana, Neide Van-Dúnem, falou recentemente sobre as constantes reclamações do público a respeito dos preços dos bilhetes para shows nacionais e questionou a razão de muitos pais aderirem às actividades internacionais sem hesitar, que até chegam a ser mais caros que um evento local.

Foto: reprodução Instagram(Neide Van-Dúnem)

A CEO de “Mentes Fabulosas” destacou a desvalorização dos eventos de produção nacional, por parte dos pais, que preferem muitas vezes levarem as crianças para um show do Panda e os Caricas, sem reclamações dos preços dos bilhetes.

“5000 kz foi o preço deste show (Fabulosas), recebi imensas críticas pelo preço porque nem todos podiam ir por ser caro. Tivemos cerca de 1500 pessoas ver as fabulosas no Xyami shopping, entretanto um CCB são 3 mil lugares, e os shows internacionais esgotam duas a três sessões. Estamos a falar de cerca de 9000 pessoas. Estes pais só têm dinheiro para ir assistir shows do Panda mais caros e com menor produção? Como querem estrelas infantojuvenis nacionais se preferem apoiar, valorizar adultos a fingir que são crianças? Sim, porque Panda e os Caricas são todos adultos”, observou.

Por outro lado, Neide referiu a escassez de conteúdos infantojuvenis nas estações televisivas do país e frisou que já se pode contar com bons conteúdos de produção local, basta apostar na valorização.

“Nada contra o show porque se vierem eu vou levar a minha filha a ver, mas também a vou levar a shows nacionais, pois ela precisa mais de referências nacionais porque já basta não ter grande coisa nas TV’s. Resumindo, temos conteúdo bom, motivador e educativo, basta acreditarem e mostrarem aos vossos filhos que aqui também tem coisas bonitas e que eles já podem sonhar com arte infantil”, rematou.