Edmázia faz revelações emocionantes sobre sua vida: “conheci minha mãe na cama de um hospital”


A cantora Edmázia Mayembe, revelou recentemente em entrevista a um programa de televisão, vários detalhes inéditos da sua vida: “conheci pessoalmente o meu pai há apenas a quatro anos”.

Durante uma conversa descontraída no programa “A tarde é nossa”, Edmázia falou da sua vida pessoal, e da sua carreira, do quanto é grata por tudo de alcançou até hoje, agradece, e reconhece que o seu sucesso deve-se ao trabalho, a sua equipe, e ao público que acreditou no seu esforço e disse que nunca passou pela sua cabeça que seria quem é, sempre imaginou que fosse exercer uma outra profissão.

“Na verdade nunca pensei que eu fosse chegar até aqui, mas isso é graças as pessoas que trabalham comigo, é graças as pessoas que gostam do meu trabalho, porque eu nunca nem se quer tinha pensado em ser cantora, quis ser outra coisa que também não sei o que é”, começou por contar a cantora.

Durante o programa, a artista recebeu várias homenagens de pessoas próximas que falavam sobre si, e em meios as declarações apareceu o pai da cantora, por meio de um vídeo que deixou várias mensagens de apoio a cantora, enquanto o pai tecia algumas palavras, Edmázia contou sobre o relacionamento que tem com o seu progenitor, pois o mesmo sempre viveu distante da família, mas sempre esteve de alguma forma por perto, revelou ainda que o conheceu há apenas quatro anos.

“A minha vida inteira foi sentir saudades dele, porque o meu pai já vive fora desde antes de eu ter nascido, ele teve que ir embora, e não tinha documentação para voltar, comecei a falar com o meu pai por telefone aos 11 anos, e o conheci pessoalmente, assim de lhe tocar mesmo há apenas quatro anos”, disse a cantora emocionada.

Sobre a mãe, a Mayembe contou que a conheceu na cama de um hospital, porque a mesma tinha um câncer maligno, que a levou pouco tempo depois de terem-se conhecido.

“Eu conheci a minha mãe na cama de um hospital, a minha vida era só hospital, quando conheci a minha mãe era muito sofrimento, a minha mãe morreu, fiquei apenas com o meu pai”, revelou a cantora.

Segundo Edmázia, o cantor Punidor é o grande responsável pela sua bem sucedida carreira, pois foi quem a descobriu e esteve com ela durante todo esse tempo.

“Conheci o Punidor dos Génesis num karaokê, e ele disse para mim você vai ter que ser cantora, ele conversou comigo, e quando foi o dia de assinar o contrato, eu não quis, a minha mãe na época bateu-me para assinar o contrato, começamos a trabalhar, foi o primeiro cantor de investiu em mim, é o responsável pelo que sou hoje”, realçou a cantora.

A artista revelou ainda que as suas músicas não carecem de uma grande produção, são escritas e gravadas na hora, pois só canta aquilo que ela gosta, letras que têm alguma conexão com consigo.

Edmázia Mayembe é conhecida pela sua simpatia, e é considerada umas das melhores cantoras da nova geração pelo público angolano. É autora de músicas que fazem muito sucesso em Angola como: “Erro bom”, “Meu Heroi”, “Alma Nua”, “Segredo”, e várias outras.

 

Por: Eucadia Ferreira