Buderbala afirma que abdicou da sua formação para se casar com Cesalty: ” Valeu a pena”


A grande inspiração da personagem “Tia Bolinha”, Buderbala Paulo, afirmou recentemente em um dos programas do Zap Viva, que teve de abrir mão da sua formação para se tornar Assistente de Bordo e voltar a Angola para casar-se com humorista Cesalty Paulo, ressaltando que tal atitude valeu a pena.

Questionada se alguma vez teve de abdicar de alguma coisa pela carreira do esposo, Buderbala Paulo, respondeu que não abriu mão de nada pela carreira do marido, mas sim pela relação de ambos, pois teve que deixar a formação de Assistente de Bordo que fazia no Brasil para voltar a Angola e casar-se com o humorista. A mesma disse ainda que não se arrepende de ter tomado tal decisão.

Publicidade

”Olha pela carreira do Cesalty não, mas pela nossa relação, fui para me formar no Brasil para fazer a formação de Comissária de Bordo, mas não terminei os meus estudos, voltei para Angola para me casar. Valeu muito apena porque se eu não voltasse não estaria com o Cesalty porque quando fui ao Brasil estava separada dele”, revelou Buderbala.

Após ter sido vítima de vários comentários negativos na internet, e ter sido apelidada como a mulher mais feia de Angola por haters, Buderbala Paulo falou que a situação não a afetou, pois considera-se  uma pessoa extrovertida e preferiu levar o assunto na desportiva.

”Eu como sou uma pessoa muito alegre preferi levar isso na desportiva, isso não me feriu, muito pelo contrário, me tornou mais forte”, realçou Buderbala.

Buderbala revelou também que  a mentira foi a maior causa de um contratempo com Cesalty, pois considera como uma das piores coisas que pode haver num relacionamento.

Burdebala Paulo, tem se destacado nas redes sociais pela sua simpatia, partilhando vários vídeos engraçados e mostrando aos internautas que também tem muito jeito, e talento para fazer humor.

 Por: Eucadia Ferreira

 

 

 


Gostou? Partilhe com os teus amigos!

0 Comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *