“A vida sexual satisfatória é quando tens o sexo com o seu parceiro e atinges o orgasmo”, diz Florinda Miranda


170 partilhas

Quem a conhece sabe que Florinda Miranda fala sobre todos os temas “sem tabu”. Convidada para edição desta sexta-feria (20) de Setembro, do programa “Viva Tarde”, comandado por Márcio Stélvio e Carla Djamila, a comentarista e Conselheira Matrimonial, voltou a criar alvoroço durante o debate que teve como tema: “O tabu sobre a sexualidade dentro da relação”.

‘Tia Folo’, como é acarinhada pelos fãs e seguidores, esteve na companhia da artista visual Aminata Torres e do cantor Zibo Cyborg, disse que ainda existe ‘tabu’ na relação, principalmente dos mais adultos algo que não devia existir, os casais devem ser mais abertos um com outro, levar sempre novidades para a relação, tanto nas relações como fora dela, sem receio de nada ou da reacção do outro.

Publicidade

Sobre o parceiro ideal para fazer um funcionamento, Florinda disse que tudo depende muito do casal e da personalidade de cada pessoa.

“Aprendi sobre a vida sexual não por ler muitos livros, mas por procurar em ver em filmes que falam de relações, beijos, e de lá tirou algumas ideias, começou a desenvolve-las ao meter em pratica, e o seu parceiro gostar”, disse.

Questionada por Carla Djamila, sobre vida sexual satisfatória, a comentarista, respondeu a letra que é quando tens o sexo com o teu parceiro e tu atinges o orgasmo, te levar para viajar pelo mundo, subir as paredes.

“A vida sexual satisfatória é quando tens o sexo com o seu parceiro e atinges o orgasmo. Porque a pessoas que vivem com os seus parceiros, mas não sabem o que é isso, nunca sentiram, nunca atingiram e isso é triste. Aquilo é  uma sensação que te leva nas nuvens, viajas ficas com Deus lá em cima, Jesus, Anjo Gabriel, depois tu desces e acordas porque atingiste mesmo. Tu sobes as paredes, até viras mulher aranha, isso é que é sexo de verdade, mas isso depende o animal ‘homem’, há uns que querem devagar e outros com mais pressão, e não cair na rotina”, disse a Florinda.

Florinda Miranda continuou por dizer, que sexo é algo muito íntimo, e soa melhor com a pessoas que amada, assim como um prato de comida que não aborrece quando é comido e com sabor, tendo lembrando que o tamanho do pénis não define o quanto o homem é bom na cama e sim do jeito que ele faz sexo com uma mulher.

“O sexo é bom com aquela pessoa que tu amas, que desejas, porque se for para fazer sexo atoa, todo mundo faz, até os prostitutos ou prostitutas fazem, o sexo é algo muito intimo, e quando tu sabes fazer com a pessoa que tu desejas, é tipo um prato ‘a eu quero comer isso’ e tu comes com sabor, e quando é para agradar o fulano porque vai dar dinheiro da ‘broca’ é uma parte dolorosa. E o tamanho do sexo não define que o homem é bom, todas nos mulheres sabemos o que é bom, existe homens que tem pénis pequeno mas o que te faz de trabalho, ai você começa a falar todas as línguas e tem homens com tamanho XL mas não sabem trabalhar com uma mulher”, continuou.

Ao finalizar, Florinda que faz parte da mesa de jurados da primeira edição do BAI Dança com Ritmo, deixou conselho as mulheres para passarem a tomar mais iniciativa, não esperem só os homens, se for possível os levem para cama nem que for a força.


Gostou? Partilhe com os teus amigos!

170 partilhas

Um Comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *