Oficial Real Madrid: Benítez despedido, Zidane é o novo treinador


21 partilhas

Florentino Pérez, presidente do Real Madrid, confirmou em conferência de imprensa a destituição de Rafa Benítez e o anúncio de que Zinedine Zidane é o novo treinador da equipa – vai já dar o treino esta terça-feira. A notícia já tinha sido adiantada a meio da tarde pelo jornal Marca.

Zidane e Benitez

Rafael Benítez deixou nesta segunda-feira de ser treinador do Real Madrid. O anúncio foi feito ao final da tarde por Florentino Pérez, presidente do clube “merengue”, que designou como sucessor de Rafa o francês Zinedine Zidane, até agora técnico do Real Madrid Castilla.

Publicidade

Sete meses depois de ter sido substituído Carlo Ancelotti no cargo, Benítez deixa a equipa “blanca” após um empate (2-2) no Mestalla frente ao Valência, o mais recente de um conjunto de resultados frustrantes para as ambições do Real, apenas terceiro classificado na liga espanhola, a quatro pontos do líder Atlético Madrid.

Para o lugar do espanhol entra Zidane, que pouca experiência tem como treinador. O antigo internacional francês, que cumpriu alguns dos seus melhores anos como jogador no Real, chega ao banco “merengue” com apenas época e meia a treinar a filial, que disputa a II Divisão B. Depois de acompanhar Mourinho e Ancelotti no banco da equipa principal, Zidane assumiu o comando do Castilla na época passada, terminando em sexto lugar. Na presente época, a filial “merengue” ocupa o segundo posto do Grupo II da II Divisão B espanhola.

“Tomámos uma decisão difícil, especialmente para mim, de rescindir contrato com Rafa Benítez. É um grande professional e uma pessoa magnífica. Quero agradecer a sua dedicação nestes meses”, começou por dizer Florentino Pérez numa declaração sem direito a perguntas.

Depois de confirmada a destituição de Benítez, o presidente do Real confirmou Zidane como o sucessor. “É, sem qualquer dúvida, uma das maiores figuras da história do futebol. Sabe melhor que ninguém o que é estar à frente do plantel do Real Madrid. Sabe que este é um banco difícil, conhece os jogadores e, com ele como adjunto, conquistaram a Décima. Para ti, a palavra impossível não existe”, frisou Florentino.

Zidane

O ex-internacional francês, por seu lado, prometeu títulos nesta sua primeira experiência como treinador ao mais alto nível. “Quero agradecer ao presidente esta oportunidade. Temos o melhor clube do mundo e os melhores adeptos, e, por isso, o que temos de fazer é o melhor possível para ganharmos alguma coisa este ano. Só posso dizer que vou fazer tudo, e acho que vai correr bem”, declarou Zidane.

Na base do despedimento de Rafa Benítez estão os maus resultados e, sobretudo, o facto de os jogadores estarem contra a sua continuidade. Aliás, no domingo, durante o empate a dois golos com o Valência, o mau estar foi evidente, com os jogadores a irem festejar o golo de Gareth Bale ao banco, deixando o treinador isolado.


Gostou? Partilhe com os teus amigos!

21 partilhas