Manchester City tem o elenco mais caro da Europa


434 partilhas

Embora o treinador do Manchester City, Pep Guardiola, tivesse feito algumas críticas aos valores das transferências de Neymar (222) e Mbappé (180) por parte do Paris Saint-Germain, é o clube inglês que tem a equipa mais cara da história do futebol.

Manchester City tem o elenco mais caro da Europa

Só esta época o conjunto orientado por Josep Guardiola gastou mais de 315 milhões de euros na contratação de novos jogadores, como Danilo (ex-Real Madrid, contratado por 30 milhões de euros), Ederson (ex-Benfica, 40 milhões de euros), Bernardo Silva (ex-Mónaco, 50 milhões de euros), Kyle Walker (ex-Tottenham, 51 milhões de euros), Benjamim Mendy (ex-Mónaco, 57 milhões de euros) e, mais recentemente, Aymeric Laporte (ex-Athletic Bilbau, 65 milhões de euros).

De acordo com o estudo do observatório do futebol CIES (Centro Internacional de Estudo do Desporto), o valor do plantel do Manchester City atinge o incrível valor de 878 milhões de euros.

Na segunda posição está o Paris Saint-Germain com o valor de 805 milhões, seguido do Manchester United, com 747 milhões, e o Barcelona, com 725 milhões.

Ranking do Top-20:
1. Manchester City (878 milhões de euros)
2. PSG (805M€)
3. Manchester United (747M€)
4. Barcelona (725M€)
5. Chelsea (592M€)
6. Real Madrid (497M€)
7. Liverpool (461M€)
8. Juventus Turin (448M€)
9. Arsenal (403M€)
10. Everton (365M€)
11. Bayern (363M€)
12. Tottenham (358M€)
13. Milan (305M€)
14. Atlético Madrid (298M€)
15. Monaco (286M€)
16. Dortmund (268M€)
17. Roma (262M€)
18. Southampton (229M€)
19. Crystal Palace (225M€)
20. Inter Milan (217M€)


Gostou? Partilhe com os teus amigos!

434 partilhas