José Mourinho aceita um ano de prisão com pena suspensa de um ano por fraude fiscal


3 partilhas

O ex-treinador do Manchester United, José Mourinho aceitou nesta terça-feira (05) de Fevereiro, uma pena suspensa de um ano e uma multa de mais de três milhões de euros no processo em que era acusado de fraude fiscal em Espanha. 

José Mourinho aceita um ano de prisão com pena suspensa de um ano por fraude fiscal

Em causa estão os direitos de imagem relativamente aos anos de 2011 e 2012, quando era treinador do Real Madrid e de ter mudado a sua residência para a capital espanhola, “não declarou qualquer verba proveniente de direitos de imagem”.

De acordo com o jornal El País, Mourinho teria criado a empresa ‘Koper Services S.A.’, com sede nas Ilhas Virgens Britânicas, no Reino Unido, com o intuito de tornar fiscalmente opacos os rendimentos provenientes dos seus direitos de imagem.

Diz ainda a mesma publicação, acusação que, graças a esta ‘manobra’, o treinador português defraudou o fisco espanhol em 1,6 milhões de euros em 2011 e quase 1,7 em 2012.

 


Gostou? Partilhe com os teus amigos!

3 partilhas

0 Comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *