Gelson Dala e Bastos disputam prémio de “Melhor jogador Angolano na Diáspora” nos troféus Palancas Negras 2017


1.4k partilhas
Dois grandes jogadores angolanos, Gelson Dalan do Sporting de Portugal e Bastos do Lazio de Italia, que devido o seu bom desempenho a nível internacional irão disputar o prémio de “Melhor jogador Angolano na diáspora” nos troféus Palancas Negras 2017, cuja gala será realizada no próximo dia 16 de dezembro, no Centro de Conferência de Belas, em Luanda. 
Gelson Dala, é um futebolista angolano que actualmente joga como avançado no Sporting CP, outrora atuou regularmente na equipa de reservas, Sporting B, onde destacou-se como melhor marcador, e por conta disso ganhou um lugar na lista dos suplientes da equipa principal, orientada por Jorge Jesus. Gelson Dala foi formado no 1º de Agosto, integrou a equipa principal em 2013. Na sua última temporada no Girabola Zap, se tornou no segundo jogador com mais golos numa única época do Girabola (23 golos), perdendo apenas para a lenda do futebol angolano Carlos Alves (29 golos).
Por outro lado, Bartolomeu Jacinto Quissanga, ou simplesmente Bastos, é um futebolista angolano que actualmente ostenta o seu talento como jogador da área defensiva, no clube Italiano, Lazio, equipa que o cantractou em 2016, depois de notar o potencial que o mesmo exibia no clube Russo, Rostov, onde foi campeão da Copa Russa em 2013-2014. Bastos estreou-se profissionalmente em 2010, no Petro Atlético, tendo conquistado a Taça de Angola e a Supercopa em 2013.
Concorre ainda para a mesma categoria Evandro Drandão, futebolista profissional angolano que joga como atacante do clube português Leixões SC.
Neste momento, as votações encontram-se na sua fase derradeira, sendo que terminam já no próximo dia 15 de dezembro. Desta feita, os amantes do desporto Rei, e não só, ainda poderão aproveitar a oportunidade de votar nos seus favoritos, através do website: www.premiosfpn.com e na página oficial do Facebook Prémios de Futebol Palancas Negras.
A concorrência está renhida, pois o Corpo de Jurados, constituído por Manecas Leitão (Presidente), Carlos Pacavira (Coadjutor do Presidente), Pedro Godinho, Miller Gomes, António Gomes, Luís Caetano, Arlindo Leitão, Zurema Rodrigues, António Alegre, Fabrice Maeco (Akwá), Teixeira Cândido, Dinho Soares, e Mário Jorge Fernandes, no auge do seu trabalho aturado nomeou os melhores da modalidade para concorrerem nas 13 categorias distintas em concurso, sendo que estão nomeados os seguintes profissionais do futebol, para a 1ª Edição dos PFPN.
Por: Garcia Alberto

Gostou? Partilhe com os teus amigos!

1.4k partilhas