FC Porto viveu um filme de terror no Estádio do Dragão frente ao Liverpool


449 partilhas

A equipa de Jürgen Klopp venceu no Estádio do Dragão por 5-0 e assinou praticamente o apuramento para os quartos-de-final da Champions.

FC Porto viveu um filme de terror no Estádio do Dragão frente ao Liverpool

Pela 14.ª vez nos oitavos de final da Liga dos Campeões, o FC Porto não esperava ter uma noite de São Valentim tão ácida como esta. O dragão saiu humilhado do jogo da primeira mão diante do Liverpool. E se, teoricamente, a superioridade dos reds já era alguma antes dos respetivos onzes entrarem em campo, depois do jogo começar tudo piorou. E muito por culpa de José Sá que teve uma noite para esquecer.

Foi um passeio do Liverpool. Equilíbrio apenas nos primeiros 25 minutos de jogo, antes do primeiro golo dos Reds. Até ali, o jogo era truncado e o Porto chegou a ter uma boa chance com Otávio. Mas os portugueses sentiram muito os dois primeiros golos ingleses e se perderam em campo.

Na etapa final, o Porto até atacou mais – apesar da falta de ousadia de Sérgio Conceição nas substituições. Só que deu espaços ao rival e sofreu com a velocidade do trio de ataque Mané, Firmino e Salah. O terceiro golo nasceu justamente em um contra-ataque armado pelos três. Com o adversário abatido, os Reds ainda tiveram tempo para marcar mais duas vezes e encaminhar a vaga para as quartas de final.

Os pupilos de Jurgen Klopp marcaram por Mané (25´, 53’ e 85’), Salah (29’) e Firmino (70’).

Os Portugueses precisam de grande virada no próximo dia 6 de março, no Anfield Road para de forma milagrosa chegar aos quartos de final da Liga dos Campeões: uma vitória por pelo menos cinco golos de diferença.


Gostou? Partilhe com os teus amigos!

449 partilhas